28 maio 2007

A VIDA É BELA

Quantas vidas tens tu? És como os gatos? Eu não! E por ter só esta, quero aproveitá-la. Seguir o meu próprio guião, a minha própria vontade. Mas tal e qual como acontece com toda a gente: por vezes não consigo. O que tenho conseguido é ser quase sempre feliz. Com muito "jogo de cintura", com muita coragem para dar a volta aos problemas....Pásso a vida em busca de equilibrio, de paz, de tranquilidade e foi na simplicidade que encontrei tudo isto. No entanto não é fácil viver num mundo como o nosso. Rodeada de pessoas que dão valor à materialidade e à ostentação. Um mundo onde se trabalha 9 horas por dia em constante competição, esquecendo-nos sistematicamente que o objectivo é viver e não sobreviver. Ao longo dos séculos a humanidade aprendeu tanto e esqueceu mais ainda. Constato que há pessoas que são vitimas do seu desinteresse. São robots e não humanos, rendem-se à rotina e nada fazem para mudar o curso da vida que levam. Aliás, fazem sim: Queixam-se dia após dia, lamentam-se mas continuam no mesmo caminho.
Resolvi escrever este blog para mostrar que há mais na vida do que apenas trabalho e rotina. Há uma imensidão de sensações por experimentar, um vastissimo conhecimento para adquirir, uma quantidade infinita de momentos especiais para dar côr aos nossos dias. A vida é bela em qualquer idade, goste de si, seja um melhor ser humano.