04 janeiro 2009

COMPOTA de Abóbora Okaido na Máq.Pão


Ingredientes:
  • 500 grs Abóbora Okaido com casca;
  • 160 grs Açúcar Amarelo;
  • casca de 1 Tangerina pequena;
  • 1 Pau de canela partido ao meio;
  • 1 Chávena "de café" de água.

Preparação:

Lavar muito bem a Abóbora por fora (convém ser biológica para aproveitamento da casca). Retirar o interior, sementes e fios.

Ralar com um moinho manual Moulinex Juliana, 500 grs de Abóbora. Depositar na cuba da máquina. Logo de seguida junte o açúcar, a casca de tangerina e o pau de canela partido ao meio para não prender na pá. Termine com a chávena de água.

Utilizei o programa JAM (compota) que demorou 1h e 20 min. Por 2 vezes, abri a máquina para empurrar a abóbora para baixo, retirando-a das paredes da cuba.

A Abóbora Okaido é algo doce, pelo que adicionei pouco açúcar. Adorei o produto final. Nunca pensei que a MFP fizesse uma compota tão boa. De óptima consistência e belíssimo paladar. Amanhã será o meu pequeno almoço por cima duma torrada com requeijão :-P

12 comentários:

  1. Só pode ser bom, tem aspecto disso! Cá em casa não se consomem muito as compotas, com muita pena minha, porque é uma boa forma de aproveitar frutos e legumes... :)

    ResponderEliminar
  2. Olá Rute

    Ontem estive a descascar e a congelar a minha produção de abóboras biológicas em saquinhos de meio quilo.
    Vou fazer um surpresa aqui em casa com a tua receita na MFP.
    ;)*
    antonio

    ResponderEliminar
  3. Bom dia a todos,

    Mary, esta receita só dá um pote e pouco mais. Experimenta na mesma. Não te vais arrepender. É fácil e até à data considero esta a melhor compota de abóbora que fiz.

    Antigamente fazia no tacho. Depois comecei a fazer na Bimby. Mas na MFP fica excelente.

    Borboleta, tenho novidades, utilizei a Actifry como torradeira :-)) Torrei lá fatias de Bolo Rei.

    António, fico contente que a ideia da compota na MFP te agrade. Não sabia que tinhas uma MFP!! Depois diz-me se correu bem a compota com abóbora congelada.

    Faço a seguinte sugestão, junta um pouco de pimpinela ralada (chuchu)e não coloques a chávena "café" de água pois a abóbora congelada deita mais líquido.

    Beijinhos ao três.

    ResponderEliminar
  4. Querida Rute, eu adoro compotas, mas o resto da família nem por isso...Às vezes trago frasquinhos de doce no frigoríco durante séculos e tenho que os despachar como recheio de tortas ou bolos! Contudo, como nunca experimentei na MFP, vou testar esta de abóbora (mas com a bolina), faço metade da receita, porque o aspecto é mesmo delicioso! Ha, e vou postar! :)

    ResponderEliminar
  5. E obrigada pelo esclarecimento sobre as lentilhas, there is so much to learn, so many recipes and so little time! :)
    Para mim, tu e Borboleta, são assim uma espécie de enciclopédia veggie!:)

    ResponderEliminar
  6. Desconheço esse tipo de abóbora bolina.

    Vi as fotos no teu blog e pareceu-me identica à abóbora Okaido. Abóboras pequeninas.

    O que eu gostava mesmo era de ver um post das tuas experiências com tofú :-)))))

    Realmente o tempo é uma grande limitação! Estou a adorar o nosso intercâmbio gastronómico. A troca de ideias estimula-nos a aumentar conhecimento.

    ResponderEliminar
  7. Olá! Como ja tinha dito este blog deixou me... :D

    Estou agora a fazer esta compota, apenas acrescentei 40 gr de nozes trituradas em pedacinhos pequenos...
    Estou desejosa de ver o resultado final!!

    Costumo fazer compota de abobora na bimby mas ate é bem diferente e como ja nao tenho congelador para tanta abobora a soluçao é fazer uns docinhos novos.

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  8. Boa Verdinha! Vais adorar o doce na MFP, é muito melhor do que o doce da bimby ;-)

    Eu estou a fazer Fiambre de Soja. Também estou desejosa de ver o resultado final...

    Aventuras na cozinha é mesmo connosco, és cá das minhas.

    Se precisares de mais receitas com abóbora procura as azevias de abóbora na etiqueta Actifry.

    Quanto à compra naquele site, convém verificares se enviam para Portugal. É por isso que eu nunca encomendei nada dos EUA, porque causa dos envios. Convém, ainda, verificares o custo dos portes.

    Beijinhos e até breve.
    Não tens um blog?

    ResponderEliminar
  9. Linda Rute,
    garanto-te que a MFP vai se estrear com esta compota! Vou experimentar ainda esta semana, embora com outra abóbora pois esta (cuja imagem fui pesquisar no google) é-me desconhecida.
    Mais uma vez, muito obrigada pelas tuas excelentes receitas sempre com sucesso aqui!
    Um grande beijinho :D

    ResponderEliminar
  10. Miguita Isabel,
    não vais arrepender-te.
    Fico a aguardar noticias do teu doce de abóbora na MFP.
    Jokinhas.

    ResponderEliminar
  11. Amiguinha,
    estava ansiosa para experimentar o teu docinho, mas o tempo só me permitiu fazer ontem!!
    Talvez pela abóbora que utilizei (o jerimú) que é uma qualidade muito aguada, o meu doce ficou um pouquito aguado. Depois do tempo todo na MFP, ainda o coloquei num tacho para ganhar ponto. Mas está muito saboroso e os fiozinhos da abóbora ralada que se sentem ao degustá-la fazem toda a diferença, pois normalmente trituro tudo com a varinha mágica! Gostei muito e vou repetir com outro tipo de abóbora! Obrigada Rute, quando digo que estou a aprender muito contigo, digo-o com toda a sinceridade!!! Aguardo sempre as tuas publicações com muito interesse!
    Um grande beijinho.

    ResponderEliminar