05 março 2009

MY BLUEBERRY NIGHTS (the movie in my kitchen)

OUTROS FILMES DESTA RÚBRICA 1 FILME = 1 PRATO:

Ratatouille Niçoise (the movie in my kitchen)

O Segredo dum Cuscuz (the movie in my kitchen)

SINOPSE:

Tudo se pássa num café-restaurante, como se poderia passar num bar. Desde que haja um balcão e desde que feche a horas tardias, já é propicio a ser porto de abrigo de pessoas desencantadas com a vida que ali ficam porque emocionalmente perderam o rumo certo.

Elizabeth (papel representado por Nora Jones) é uma jovem solitária, de coração partido, traída, que busca algum conforto no café de Jeremy (Jude Law).

Jeremy, o proprietário do café, faz-lhe companhia todas as noites enquanto limpa e arruma o café para fechar, convidando-a a degustar uma fatia de tarte de mirtilhos para adoçar a sua amargura interior.

Durante estas noites de mirtilhos (blueberry nights) pássam-se outras histórias naquele café que permitem a Elizabeth redefinir uma nova prespectiva sobre a vida, as relações e sobre si mesma, conseguindo desta forma desligar-se do passado e descobrir um novo amor. Um amor com sabor a mirtilho (hummmmmm) através dum beijo roubado enquanto dormia...

MY BLUEBERRY NIGHTS é um filme lindíssimo, um Romeu e Julieta dos nossos dias. Realizado por Wong Kai-wai (um premiado realizador de Hong Kong), com um elenco fora de série (Nora Jones, Jude Law, Natalie Portman, Rachel Weisz, David Strathairn, Cat Power).

A banda sonora é fenomenal, com músicas de Nora Jones e Cat Power, entre outros. O trailer pode ser encontrado no youtube.com

INGREDIENTES:

  • 2 embalagens de massa quebrada;
  • 375 grs de mirtilhos;
  • 250 grs de pássas uva pretas e pequenas;
  • Sumo e Raspa de 1 limão;
  • 2 colheres (sopa) maisena;
  • 3 colheres (sopa) açúcar amarelo;
  • Canela em pó q.b.;
  • Pedacinhos de manteiga vegetal;
  • 1 gema de ovo para pincelar.

CONFECÇÃO:

Desenrolar 1 massa quebrada e sem retirar o papel vegetal dispor numa tarteira de ir ao forno. Convém não ser uma tarteira muito larga e sim, alta, para proporcionar à tarte ficar com bastante recheio.

Numa tijela colocar os mirtilhos lavados e escorridos, juntar as pássas, regar com o sumo do limão. Povilhar com a farinha maisena e o açúcar, incorporando bem nas bagas (dê voltas ao preparado, se possivel sem colher, só com o agitar do refratário). Junte a canela e as rapas do limão e volte a agitar para misturar.

Encha a forma que já tem a massa quebrada com este preparado. Coloque pedacinhos de manteiga por cima, conforme imagem. Tape com a 2ª massa quebrada, pressionando as pontas na massa de baixo para fechar a tarte. Dê um corte em X no meio da tarte. Pique toda a superficie com um garfo e pincele com a gema de ovo. Pode juntar um pouco de leite à gema para conseguir barrar melhor.

Leve a forno médio durante 45 minutos.

Sirva com gelado de baunilha ou chantily. Eu optei por uns pedacinhos de Philadelfia por cima de cada fatia ao servir ;-)

NOTA:
A receita original só leva mirtilhos, mas como são muito caros, optei por juntar pássas.

15 comentários:

  1. Ok...

    Agora abriste-me duplamente o apetite!

    Primeiro com as fotos da tarte e logo em seguida com o resumo do filme!

    Fiquei bastante curiosa com ele!

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  2. É absolutamente arrebatador o filme.

    Fartei-me de chorar e fiquei derretida com a história de amor.

    Clicka no link da banda sonora para ouvires as músicas.

    Bjinhos Claudia.

    ResponderEliminar
  3. O filme não conheço, a tarte fiquei com água na boca ao olhar!!!

    ResponderEliminar
  4. Conheço o filme de nome, mas nunca o vi.
    Agora essa tarte ao estilo americano, arrebatou-me! O interior está de morrer, mas por fora tb ficou muito gira!
    Pena essa mirtilada toda ser tão cara nos hipermercados...
    Na Alemanha compram-se ao preço da chuva e do tamanho dos morangos! lol:)

    ResponderEliminar
  5. olá Rute..esta tarde deve ter ficado divinal, e eu que gosto tanto de mirtilhos, costumo usar para os batidos....
    Olha queria enviar-te um convite para o dia 14/03 participares numas actividades lá do vivafit! já que tinhas questionado se eu estou a gostar...nada mais que ires ver e experimentar sem compromisso, é o Dia das Amigas!Posso enviar-te o panfleto talvez, penses nisso!
    Bjs
    Marina

    ResponderEliminar
  6. olá Rute..esta tarde deve ter ficado divinal, e eu que gosto tanto de mirtilhos, costumo usar para os batidos....
    Olha queria enviar-te um convite para o dia 14/03 participares numas actividades lá do vivafit! já que tinhas questionado se eu estou a gostar...nada mais que ires ver e experimentar sem compromisso, é o Dia das Amigas!Posso enviar-te o panfleto talvez, penses nisso!
    Bjs
    Marina

    ResponderEliminar
  7. Não conheço o filme, mas adoro uma boa história de amor. E se for acompanhada de uma chávena de chá e uma tarte como esta melhor.
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Luísa,

    tu ficas com água na boca. Eu como já comi, fico com ideias na cabeça. Outro post se segue relacionado com este!
    ___________________________________

    Mary,

    se é cara a mirtalhada! Caríssima. Mas as pássas até ficaram disfarçadas, pareciam mirtilhos ;-)

    No entanto, não é má ideia colocar as pássas um bocadinho de molho em água (ou jeropiga, ih ih ih) para a tarte ficar com mais molhadinha.
    ___________________________________

    Marina,

    obrigada pelo convite. Acho que vou aceitar. Andas no VivaFit Maristas Parede? Temos de combinar isso... estou mesmo a precisar de queimar calorias!!!!!!! Burnnnnn burn my fat burn :-((((
    ___________________________________

    Sandraf,

    se não conheces o filme, estás/estão, vocês todas, a perder uma grande obra de cinema.

    O realizador é chinoca (Hong Kong)mas o filme é bastante americano e até bastante comercial apesar de ser um filme independente. Uma boa história, um bom elenco, uma excelente banda sonora,...

    Aliás teve a honra de ser filme de abertura do Indie Lisboa 2008.

    Procurem no vosso video clube.

    Beijinhos a todas.

    ResponderEliminar
  9. Que torta linda! Ficou linda e parece deliciosa! Por aqui blueberry também está muito cara. Gostei da idéia de por passas junto.

    ResponderEliminar
  10. Tarte 5 estrelas !
    Qualquer dia ainda planto mirtilhos no Algarve...me aguarde...
    bjocas

    ResponderEliminar
  11. Que linda ficou essa tarte!!!! Era boa para o meu filho mais novo,pois o unico fruto que come são mirtilhos(gostos caros:)
    Beijinho grande,Cinha.

    ResponderEliminar
  12. Pessoal,

    finalmente encontrei o filme num clube de video. Até à data apenas tinha conseguido visualizá-lo na abertura do Indie Lisboa 2008.

    Mas agora já é possivel alugá-lo através da Cineteka - clube de video online:

    http://www.cineteka.com/index.php?op=Movie&id=003575

    A não perder!!

    ResponderEliminar
  13. Minha amiga Rute, adoro dicas de filmes, vou já procurar esse filme, fiquei curiosa...por favor, sempre que tiver algo nesse genero a partilhar, sinta-se muito à vontade, eu gosto bastante, não só de filmes, como de livros também, e fiquei feliz em saber que gostaste do Tempero da Vida, na minha opinião, o filme mais lindo a que eu já assisti,

    Um abraço novamente,
    Renata

    ResponderEliminar
  14. Um filme em minha cozinha... Que ideia fantástica!!!
    A Festa de Babete, Chocolat e Como Água Para Chocolate poderiam ser contemplados aqui...
    Um beijo!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem outros na label se você quiser espreitar.
      Também já pensei nesses que você mencionou e que assisti, porém A Festa de Babete fica dificil num blog vegetariano (rs*).
      Deixo aqui alguns links já publicados:
      Chovem Almondegas - Almondegas de Kibe
      O Filho Da Noiva - Tiramissú de Tofú
      Ratatui - Ratatouille Niçoise
      O Segredo de um Cuscuz - Cuscuz Marroquino
      Beijo!

      Eliminar