16 julho 2009

MOUSSE KÉFIR DE SOJA C/ BANANA E CHOCOLATE

INGREDIENTES:
  • 1/2 abacate;
  • 1 banana madura;
  • 2 colheres (sopa) chocolate em pó (usei cola-cao);
  • sumo de 1 limão pequeno
  • 1 copo de kéfir de soja.
CONFECÇÃO:
Num copo misturador colocar todos os ingredientes pela ordem enumerada. Triturar com a liquidificadora de mão. Servir com amendoas torradas raladas.
A última foto é a imagem do meu kéfir-soja com fermentação apenas de 1 dia (24 horas). É incrivel como os grãos de kéfir gostam tanto deste leite de soja biologico que uso (sem açúcar e sem sal). Obtenho uma consistência espetacular. O pote de vidro fotografado tem capacidade de 500 ml e consegue estar deitado sem entornar o kéfir dada à consistência do mesmo.
Assim sendo até parei a confecção de iogurte normal. Dá menos trabalho este e não consome energia pois nem sequer escaldo o pote.
Adorei o sabor a chocolate desta mousse. O doce vem da banana, não se adiciona açúcar.

23 comentários:

  1. Hoje tentei comprar porque nunca provei e andei lá a apalpar os "bichos" mas deviam estar já podres porque eu tocava neles e aquilo afundava tudo. Desisti... Essa mousse tem bom aspecto :)

    ResponderEliminar
  2. É pá, que raio é que a Ameixinha andou a apalpar no hipermercado?!
    Rute Veggie, tu levas a malta a cometer delitos e assédios com as tuas receitas! Ai, que ainda acabamos todas na childra (se ao menos os polícias forem jeitosos, nem tudo se perde)! Hehehe:)
    Adorei a sobremesa, fresquinha faz as delícias de miúdos e graúdos!
    Bom FDS!:)

    ResponderEliminar
  3. Esta agora...

    a apalpar os bichos que estavam podres e se afundavam :-)))))

    (é só rir com estes vossos 2 comentários)

    Ameixinha, o kéfir que se vende no supermercado não contém grãos de kéfir. É apenas o produto obtido da fermentação do leite! O que tu deves ter apalpado deve ter sido os grumos de iogurte.

    Mary, pelos vistos estou mesmo a influênciar as pessoas a coisas estranhas :-)))) Bem...se na prisão podermos cozinhar já não é mau de todo!

    Os grãos de kéfir só se conseguem obter por partilha. Não há à venda.

    Beijinhos miudas :-))

    ResponderEliminar
  4. Rute,
    Esta mousse,devo gostar.Tem tudo de que gosto, o unico mal é que teria de a comer tudo sózinha porquê os esquisitos,da casa não comima :D as fotos lindas e linda apresentão da taça.

    bjs.

    bom f.d.s

    ResponderEliminar
  5. Que raio de confusão práqui vai :)
    Eu queria dizer que tentei comprar abacate he he
    Qual grumos de iogurte qual quê? Vocês partem-me toda :)

    ResponderEliminar
  6. Mary Sabores,

    as quantidades dos ingredientes apresentados só dá para 1 ou 2 pessoas. Eu comi tudinho ao lanche, mas para 1 pessoa só, ainda é bastante. Divide ao meio as quantidades.

    Ameixinha,

    agora sim. Agora já entendi o que andaste a apalpar no supermercado! Quanto aos abacates, costumo comprá-los ainda verdinhos e depois deixo-os amadurecer em casa. Quando estão muito maduros ficam quase castanhos e ao carregar "afunda" o dedo. Gosto de os consumir num meio termo de amadurecimento.

    Beijokas.

    ResponderEliminar
  7. Isto vai práqui uma grande confusão...Rute, podes explicar-me isso do kéfir - onde se vende e o que é que se vende e o que é que se partilha e como se multiplicam... enfim se tiveres um bocadinho! Porque andas mesmo a influenciar-nos nestas novidades! Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Suzi, vamos simplificar: se um dia quiseres experimentar ter kéfir em casa, eu partilho contigo uns grãos. Só ainda não é possivel porque têm de crescer mais um bocadinho.

    Se quiseres ver o aspecto dos grãos visita este post:

    http://publicarparapartilhar.blogspot.com/2009/07/naan-bread-of-coconut-milk-kefir.html

    São esses pedacinhos brancos que parecem couve flôr migada.

    O que se vende é apenas o iogurte fabricado pelos grãos. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. É claro que quero uns grãozinhos de kéfir desde que me expliques depois como se aplicam e multiplicam! O kéfir em frascos grandes já vi no Celeiro, mas não experimentei porque não sabia para que serviam. Obrigada e Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Ok, então, já estás na lista de doações :-)

    ResponderEliminar
  11. Rute,

    Desculpe a ousadia, mas queria dizer-lhe que descobri o seu blog há pouco tempo e já estou uma super fã. Quando preciso de inspiração para fazer experiências culinárias venho aqui à procura dela.

    Aproveito para colocar uma dúvida: eu tenho grãos de kéfir mas costumo usá-los com leite normal. Já fiz uma experiência com leite de soja e correu mal, só que queria mesmo habituar os meus grãos à soja. Seria possível explicar-me o que devo fazer?
    Já agora, aproveito para dizer que tenho grãos de kéfir para partilhar, caso estejam interessados...

    Celtic Spirit

    ResponderEliminar
  12. Rute, como sempre és uma querida e estás sempre disponível! Mas tenho, neste momento, já um frasquinho com kéfir! eeeeeeeh! Foi uma colega que tem e deu-me! Obrigada na mesma! Assim que me habituar deixo uns posts com as minhas experiências, bem longe das tuas mas com muita vontade de continuar a experimentar sempre coisas novas! Beijinhos!

    ResponderEliminar
  13. Olá Celtic Spirit,

    obrigada pela "ousadia". Gosto muito de receber comentários e de poder ajudar a solucionar dificuldades.

    Em relação aos grãos de kefir, eu não faço nada de extraordinário. Vou alterando-lhes o meio conforme as minhas necessidades. Por exemplo: estes 3 últimos dias tive os grãos em água e mel para fazer massa de pizza. Entretanto, estão em leite de vaca para fortalecerem pois a água deixa-os um bocadinho desnutridos. Antes destes 3 dias, estiveram em leite de soja.

    Há quem diga que os grãos gostam de produtos biologicos. Dai que os leites que uso são biologicos (sem quimicos). O leite de soja é este aqui (soydream):

    http://publicarparapartilhar.blogspot.com/2008/09/iogurte-de-soja-caseiro.html

    Este leite vende-se no Intermarché, na secção vegetariana.
    Obrigada pela "partilha" dos grãos. Pelos vistos a Suzi já conseguiu uma doadora.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Suzi, que grande pinta!

    Agora vais poder acompanhar-me nas experiências com grãos de kefir. Estou à tua espera amiga. Criatividade sempre a bombar! Põe os neurónios a funcionar :-))

    ResponderEliminar
  15. Olá! olha já tenho o kefir ;)

    mas tenho uma pergunta, para fazer o iogurte de soja acrescentavas alguma coisa para além do leite de soja e do kefir? O leite de vaca/cabra tem lactose, mas não sei se o de soja tem algum equivalente =X

    ResponderEliminar
  16. Olha que bom!
    Assim quando eu precisar já posso pedir-te uns grãozinhos de kéfir :)
    Quanto à tua pergunta, não, não juntava mais nada para além de leite de soja e kéfir.
    Sim, o leite de vaca/cabra tem lactose, mas o kéfir irá trabalhar na proteína e não nos açúcares (acho eu).
    Parece-me que o importante é escolheres um leite de soja com mais percentagem de grão. Vê na lateral dos pacotes.
    Se estás a pensar em usar caseiro...dúvido que dê pois o leite de soja caseiro é mais fraquito. Eu nunca consegui fazer iogurtes de soja de leite caseiro (como deve de ser). Só de leite de pacote.
    Beijinhos,
    continuação de boas experiências.
    Rute

    ResponderEliminar
  17. Claro, se quiseres e eu tiver grãos para doar podes contar comigo ;) E qualquer outra pessoa XD Deitar no lixo até parece mal.

    A sério? Juro-te que tinha lido exactamente o contrário num qualquer outro website xD (em relação ao leite caseiro). Já nem sei, so queria ter uns iogurtes tão perfeitinhos como os teus. Esse ai parece ter uma consistência excelente! eheh

    Vamos lá ver como me dou então com o kefir ;)
    beijinhos
    Marta

    ResponderEliminar
  18. A tua colónia de kéfir estáva habituada a que leite?
    É que se estáva habituada aos lacticios normais tens de dar um tempo para a colónia se adaptar ao leite de soja. Inicialmente o meu kéfir-soja também não ficava assim.
    E também quando são grãos que estiveram congelados ou desidratados, demoram um tempo a estar a produzir a 100%.

    ResponderEliminar
  19. Bem, o meu kefir foi entregue em mãos numa tacinha com leite ehehe, era é animal, mas de resto está bem activo. Tenho esperanças que se adpate relativamente depressa, eu pelo sim pelo não pus de novo em leite de vaca para ver o tempo que demora a fazer o kefir iogurte, mas amanha ou assim esperava já meter o de soja.

    ResponderEliminar
  20. Há também um outro pormenor: a temperatura.

    O kefir demora mais tempo a fazer quando o tempo está fresco. Repara na data deste artigo, estávamos em pleno JULHO (Verão!).

    Por exemplo, se quiseres travar a produção (naquelas alturas em que não consegues dar vazão a tanto iogurte) podes simplesmente colocá-lo no frigorifico por 1 a 2 semanas.

    Depois, claro que não aproveitas o iogurte mas pelo menos hibernaste os grãos de kéfir sem os deixares morrer e sem teres de desperdiçar leite durante 15 dias.

    ResponderEliminar
  21. Pois.. deve ser mesmo do frio, esperei 2 dias e ainda não tenho iogurte, continua liquido! Acho que vou coar o liquido ou entao deixo no forno durante a noite a ver se aquece so um bocadinho xD

    Isso do frigorifico é uma boa ideia. Mas vou tentar nao chegar a esse ponto e ir doando. Se fizer meio litro de leite de 2 em 2 dias era já bastante bom ehehe Mas ainda quero por uns grãos em sumo =P

    ResponderEliminar
  22. Faz assim, usa leite que ainda não tenha ido ao frigorifico ou amorna suavemente. Depois colocas-lhe os grãos de kéfir e agasalhas num edredon ou cobertor durante 2 dias. No escuro.

    Há pois, o meu kéfir esteve sempre no escuro da despensa. Não sei se tem influência, grrr.

    ResponderEliminar
  23. Que delicia, começei agora com o meu Kefir e ando a pesquisar. Adorei as tuas receitas.

    Bjs.

    Paula

    ResponderEliminar