18 julho 2009

PEPERONI LOAF with Soy-kéfir

ARTIGO RELACIONADO:

SPINACH LOAF with Soy-kéfir

INGREDIENTES:
100 gr farinha trigo branca;
50 gr farinha arroz integral (triturada na bimby);
200 ml kéfir-soja.

1 alho francês (parte branca);
1/2 pimento vermelho grande;
6 batatas pequenas com casca;
1 molhinho de coentros.
3 ovos;
1 colher (sopa) azeite;
sal, pimenta e noz moscada;

5 folhas de alface biologica;
azeite q.b. para barrar papel vegetal.

ACOMPANHAMENTO:


Arroz branco e salada de milho doce com rúcula temperada com azeite, vinagre de ameixa e sal.


CONFECÇÃO:

Misturar o iogurte kéfir de soja com as farinhas. Mexer com colher de pau e reservar na despensa ou armário, tapado com pelicula aderente esburacada, de um dia para o outro.

Lavar o alho francês aberto ao meio (não utilizar a parte verde), as batatas pequenas com uma escova de legumes para poder aproveitar a casca tenra. Picar ambos juntamente com o pimento vermelho e os coentros, na bimby (3 ou 4 toques de turbo). Caso haja pedaços por picar, corte com uma faca, não triture mais pois vai liquidificar o resto já picado. Reserve fora da bimby.

Deite 3 ovos, a massa de kéfir e os temperos na bimby (incluindo a colher de azeite) e triture 2 minutos, velocidade 5. Deite tudo na mesma tijela onde preparou a massa de kéfir e incorpore o preparado de ovos e kéfir, com o picadinho de vegetais (retire o excesso de molho). Por fim misture a alface crua, lavada e cortada grosseiramente.

Forre uma forma de bolo inglês com papel vegetal, unte de azeite e deite o preparado. Leve a forno médio durante 45 minutos.

Também pode preparar este loaf sem esperar 24 horas pela massa de kéfir. Para tal, basta preparar a massa de kéfir com 2 horas de antecedência e juntar 1 colher (café) de fermento royal.

É um loaf fofinho e molhadinho que lembra uma omolete ou o interior de uma quiche. Delicioso quente ou frio. Ideal para refeições fora de casa. Magnifico a qualquer altura do dia (quer o spinach como o peperoni loaf comi mesmo ao peq almoço! Sabe bem com o café da manhã).

16 comentários:

  1. Hoe também fiz um loaf salgado, adoro estas refeições. O teu ficou bem bonito, como adoro pimentos acho que ia gostar :)

    ResponderEliminar
  2. Oi amiga! Tem ótimas receitas!Parabéns! Conheça meu blog de receitas: gattamix-receitinhas.blogspot.com bjs Alê

    ResponderEliminar
  3. Sabes que com estas receitas de cakes salgados me levas sempre no bico - sou fã! :)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. OH PÁ ISTO É MESMO PRA FRENTE!!!!!!!!
    Boa semana e beijinhos muito grandes
    tina

    ResponderEliminar
  5. Que aspecto delicioso, era o que eu precisava de comer, depois de tudo o que comi nestas férias.
    bjss

    ResponderEliminar
  6. Seu blog é lindo... E quantas receitas gostosas e saudáveis... ja estou te seguindo, até porque se deve seguir coisas bonitas e com receitas gostosas assim como estas suas...

    Feliz dia do Amigo!

    ResponderEliminar
  7. Bom dia comentadoras,

    obrigada pelas vossas palavras.

    Alessandra e Anita, já fui conhecer o vosso espaço. Gostei muito dos vossos blogs. Hei-de voltar lá.

    Beijão grande para todas vós!

    ResponderEliminar
  8. Quando será que volta à Lisboa...?
    Você fica me provocando com esses pratos atraentes. Tem um "século" que não faço calzones, deu vontade agora.
    Mas encarar o seu ritual "kefiriano" só você mesma!
    Bjs.

    ResponderEliminar
  9. Nome complicadinho hein??

    Mas com a combinação de ingredientes e aspecto... deve ser bem bom!

    Podias subsoituir um pouco de batata, ainda ficava mais soft :D

    ResponderEliminar
  10. Verdinha, o objectivo é utilizar as minhas batatas da aldeia porque senão estragam-sem, uma vez que consumo pouca batata.

    Mas olha que a batata ficou 5 estrelas nestes loaves salgados. E deste modo posso utilizar a casca das batatas pois não se nota no loaf.

    A batata não engorda. Só engorda se for frita em óleo abundante ou cozinhada em azeite abundante. E tem propriedades óptimas para a saúde humana. É muito necessária na nossa alimentação.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Amiga, hoje estava com vontade de um cake salgado para o almoço, e entre a minha receia e esta, só não saltei para esta porque entretanto fiquei com uma dúvida.
    Eu costumo fazer com leite e, claro fermento.
    Como não tenho kefir, devo usar leite e fermento e misturar tudo apenas na hora, ou uso iogurte, misturo com as farinhas de véspera e depois junto 1 colher café de fermento?

    Acho que a batata deve dar-lhe uma textura fantástico e como tem menos gordura do que a minha receita, quero fazer.

    Como tenho evitado usar o forno, fiz o meu cake na MFP e ficou perfect! :)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  12. Ó Amiga Gasparzinha desculpa lá a demora na resposta, mas, como entrei de férias esta semana ando um bocadinho afastada das internétes!

    Antes de mais nada digo-te: Adorei essa ideia de fazer o loaf na MFP. G-E-N-I-A-L

    Bom, senão tens kéfir, usa iogurte e fermento. Não sei se fará alguma diferença misturares o iogurte de véspera (penso que não faz). Sabes porquê? Porque o iogurte só tem lactobacillus, enquanto que o kéfir tem leveduras para além de lactobacillus.

    A colonia de kéfir é muito diversificada microbiologicamente e consoante o meio em que são inseridos os grãos de kéfir, assim trabalham mais as leveduras ou as bactérias.

    Não sei se me fiz explicar bem...mas, resumindo, se fizeres com iogurte não precisas deixar a fermentar de véspera pois as bactérias do iogurte não têm capacidade para fermentar a farinha (só as leveduras é q têm).

    A batata fica aqui muito bem nesta receita (sem dúvida).

    Beijokas e quero ver esses loaves na MFP!!!!!

    ResponderEliminar
  13. Amiga, veio muito a tempo, hoje fiz o outro, e mesmo tendo comido tb ao jantar, ainda tenho...

    Estou sozinha, então aproveitei para me esbaldar com aquilo que o Esparguete não aprecia! :)

    Fazes bem em aproveitar as férias.
    Eu, pelo contrário, até 31 de Agosto em que tenho um trabalho importantíssimo para entregar, passo os dias em frente ao computador: ao fds não faço nada, mas de semana só me disperso com as demos da bimby e, claro, com os meu Esparguete e os meus cozinhados. :) :)

    Entendi bem, era o que eu pensava, só quis confirmar com a mestra do kefir! :)

    O que fiz para o lamoço na MFP ficou no ponto! Acho que ainda gostei mais do que quando faço no forno.

    Hei-de publicar em breve.

    Beijinhos e obrigada pelas dicas.
    Boas férias!
    (Pode ser que para a semana esteja mais desafogada, podíamos combinar o cafezinho!) :)

    ResponderEliminar
  14. Então vá! Arranja lá um tempinho para o cafézinho ou almocinho para a semana.

    Podiamos combinar almoço no paradox em Cascais, perto do Cascais villa.

    Beijinhos e vê lá se publicas depressa (fiquei curiosa com o loaf na MFP).

    ResponderEliminar