30 junho 2010

ERVILHAS FRESCAS - Elas "andem" aí :))

É das épocas que mais gosto, a das leguminosas de debulhar. Primeiro veio a fava, agora a ervilha e lá para meados de Julho, o feijão. Não há maior riqueza do que comer os alimentos no seu estado natural, sem desidratação, ou congelação, ou conservação em lata.

Como tenho o meu congelador desligado, raramente uso ervilhas congeladas. Só mesmo quando me dá aqueles desejos incontroláveis e tenho de fazer o pacote de ervilhas todo de uma vez para não se estragarem no frigorifico. Mas quem pensa que ervilhas congeladas é a mesma coisa que ervilhas frescas, está muitíssimo enganado.

Cá em casa as ervilhas de debulhar servem de entretém à minha filha. Foi ela que descascou um saco grande de 3 kg de ervilhas. E que bem que nos soube a ervilhada com soja texturizada e tofú fumado. Uma especialidade!

Para acompanhar fiz uma papa salgada de farinha de milho, um género de puré mas em vez de ser com batata é com farinha de milho.

INGREDIENTES Estufado Ervilhas:

Azeite;
1 cebola grande;
3 dentes de alho;
1 caldo de legumes biologicos;
500 ml de água purificada;
1 copo de soja texturizada;
1 tira de tofú fumado;
Ervilhas frescas;
Cominhos em pó;
Poejo seco;
Flôr de sal;
Molho de soja.

INGREDIENTES Puré de farinha milho:

500 gr leite soja natural (sem aromas);
50 gr farinha de milho;
Flôr de sal;
Pimenta em pó;
Noz moscada ralada no momento;
Casca e sumo de limão.

CONFECÇÃO:

Hidratar a soja em 500 ml de água com 1 caldo de legumes, durante 1 hora. Temperar de sal e cominhos.

Fazer um refogado com azeite, cebola picada e alhos. Espremer a soja do caldo, juntar ao refogado ao mesmo tempo que o tofú fumado. Reservar o caldo. Deixar refogar, juntar as ervilhas. Deixar refogar uns minutos e de seguida juntar o caldo. Temperar de sal, molho de soja e poejo seco. Tapar, deixar cozinhar em lume médio.

Quando as ervilhas estiverem cozidas prepare o puré de farinha de milho conforme explicado nesta receita de
papa doce mas desta vez com os ingredientes salgados descritos em cima. Atenção que o sumo do limão é só para pôr no fim, depois dos 8 minutos. E dependendo da acidez do limão, teste a quantidade.

Este puré de farinha de milho casa muito bem com o estufado de ervilhas.

14 comentários:

  1. Acho que nunca comi ervilhas frescas, infelizmente não se vê muito à venda e acho que ninguém deve semear por aqui. Devem ficar deliciosas mesmo :)

    ResponderEliminar
  2. Que granda petisco!!
    Tb já comi com ovos escalfados e simplesmente cozinhadas a vapor e depois bem temperadinhas: tão bom!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. ui não me digas nada, qd era miúda e ia ajudar os meus pais na horta era tão bom apanhar ervilhas e comer assim na hora aquelas "bebés" ( ervilhas que ainda não estavam bem formadas), bem são tão docinhas que serviam de guloseima.

    As recordações que ficam......e qd levava-mos os amigos até casa e a brincadeira era o rei da fruta, dividíamos a arvore como se fosse o reino o meu irmão ficava com uma parte mais os amigos e eu e amigas outra parte, objectivo, ver quem aguentava comer mais fruta...ah aha ha o pessoal habituado aos prédios e á fruta racionada adorava ir brincar connosco :D…..as coisas que me fazes recordar…velhos tempos…

    ResponderEliminar
  4. Eu AMO ervilhas. Mão resisto e aqui por casa há mesmo das congeladas o ano inteiro. O marido não gosta, a filha torce o anriz mas não tem opção ou come, ou come, ihihihihihih. Eu, devoro, podia comer ervilhas com ovos escalfados todos os dias.
    Foi mais um prato que experimentei fazer na minha bimby e que me deixou ainda mais fascinada e comi, comi, comi...afinla as ervilhas não engordam ahhh.
    Ficou tudo maravilhoso e vivam as ervilhas. Beijinhos miga.

    ResponderEliminar
  5. Rute! Que beleza, menina! Tudo que eu gosto. Adoro ervilhas e tofu. Essa papa de farinha de milho é mais ou menos uma polentinha molinha? Eu também adoro. Rsss
    bjk.

    ResponderEliminar
  6. Isso é um petisco!
    Adoro ervilhas, mas frescas cá é difícil.
    Estou curiosa para experimentar o puré.
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Amiga que petisco delicioso.
    Essa sugestão do puré de milho deve ser uma maravilha.

    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Tenho umas saudades de comer ervilhas frescas. Deixa lá ver se agora quando fôr de férias as vou comer.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Claro que é bom, até com uns ovitos por cima marcha bem! Podes trazer!:)
    O puré de farinha de milho parece-me muito interessante...

    ResponderEliminar
  10. Ando com falta de tempo CRÓNICA!

    Peço desculpa pela ausência e agradeço os comentários. Sabe tão bem recebê-los!

    Ou muito me engano ou este blog vai andar um bocadinho mais lento, com publicações mais espaçadas. Vamos a ver se me engano.

    Beijinhos a todas.
    Boas férias às que vão.
    Quem me dera ir também :(((

    Kombi, obrigada pelas tuas recordações de criança. És uma felizarda por teres crescido perto da horta :) Também já comi ervilhas cruas e adorei. São docinhas sim. Uma delicia.

    ResponderEliminar
  11. Que delícia, eu também adoro ervilhas frescas!!! E a foto ficou linda, como de costume! Um grande beijo e um ótimo final de semana, Rute!

    ResponderEliminar
  12. Rute, como sempre um prato com apresentação impecável! Adoro sopa de abóbora.
    Rute, ri muito com o comentário q vc me deixou. Muito divertido! Vc tem razão, menina, é assim mesmo...Acaba virando um vício e a gente não quer parar mais..."Sai pra la Satanás!" (como vc disse) rsss.

    ResponderEliminar
  13. Olha, esta foto é outra irresistível para quem adora estufadinhos como eu! Sendo as ervilhas fresquinhas, até me puseste a salivar Rutinha linda. E este puré???? Fantástico!! Vou ter que rever a minha alimentação toda, pois vejo que a tua faz-te muito bem: tens ideias brilhantes!!!! Quando for grande, quero ser como Tu!! :D

    ResponderEliminar