30 outubro 2011

SINGELA HOMENAGEM - WELZE gostosuras sem travessuras

Notas de Falecimento - (GostosurasSemTravessuras.blogspot.com)

Nestas alturas nunca sabemos bem o que dizer, apenas habita em nós uma sensação de vazio, o espaço deixado por alguém que partiu.
Cada ser humano que deixa o plano fisico é um fractal de tudo o que existe. Mesmo não conhecendo bem a pessoa, mesmo tendo sido pouco o tempo em sua "companhia", afecta-nos tomar consciência que essa troca de experiências e relatos, compartilhada, neste caso, virtualmente, não volta mais.
Por outro lado, saber que a querida Welze estáva sofrendo por causa da doença, faz-nos aceitar a sua partida com um sentimento de alivio, por ela finalmente poder libertar-se do sofrimento humano.
Aceitemos com serenidade o ciclo da vida, do nascimento à morte, o ciclo de aprendizagem e evolução que se renova em cada reencarnação. Lembremos a Welze com seu característico bom
 humor, seu grande coração cheio de amor por todos, através das suas 2 únicas participações na BCFV. É assim que eu um dia quero ser lembrada, pelas vibrações positivas que me esforço em irradiar.

NASCIMENTO (Mar.2011)

«Tenho boa memória. Mas não consigo me lembrar de quando nasci. Não sei porquê. Será que não estava lá? Brincadeiras à parte, participando da blogagem coletiva Fases da minha vida, acho que falarei sobre acontecimentos mais longínquos possível para de lá para cá, chegar aos dias de hoje.

Me lembro que quando tinha uns quatro anos, minha casa em Ipauçu estava passando por reformas no jardim. Eu não saía do pé dos pedreiros, achando que estava contribuindo de maneira vital para o serviço deles. Tudo ia bem até que numa passada atrás de um deles, levei com uma enxada na cabeça.

Quase morri de tanto chorar. O pedreiro quase morreu de medo de ter me matado. Minha mãe ao me ver com sangue por todo lado, quase morreu de susto sem nem imaginar de onde vinha tanto vermelho. Mas, entre mortos (ninguém) e feridos (eu), todos nos salvamos. O pedreiro, depois de recuperar os sentidos, sim porque ele desmaiou, foi embora pois não conseguiria mais trabalhar naquele dia. Minha mãe e minha irmã, Nini, me levaram ao hospital que era ali pertinho de casa, onde entr
ei caminhando, com uma toalha de banho na cabeça, já encharcada de sangue, rindo e falando para todos o que havia acontecido.

Ninguém se conformava com o ocorrido, muito menos com minha disposição em contar os detalhes mais sórdidos,tim tim por tim tim. Só chorei quando levei alguns pontos na cabeça. Essas lembranças, são devidamente confirmadas por minha irmã Nini. Aconteceu comigo. Só podia ter sido comigo. Logo logo conto mais
aventuras sobre as FASES DA MINHA VIDA. »

INFÂNCIA!!!! (Abr.2011)

«Não posso dizer que foi a melhor fase da minha vida, pois todas foram as melhores, cada qual a seu tempo. É claro que pouco me lembro. Mas muitas histórias, ainda estão na minha mente como daquela vez que um pedreiro desceu a enxada na minha cabeça e tive que ir ao hospital para dar pontos. Falando assim até parece que foi agressão, mas é claro que não, eu é que não saía do pé do pedreiro que estava a trabalhar e eu achando que ele precisava ardentemente da minha ajuda, não saí de perto.

Tenho lembranças dos dias em que inventava doenças para não ir à escola. E olha que não era por causa de bulling não, era só mesmo para ficar em casa brincando. Minhas doenças eram daquele tipo que assim que a hora da entrada na escola passava, como num passe de mágica, a doença passava também.

Tem também uma vez, a primeira que andei de onibus sozinha. Fui visitar minha madrinha que morava no centro da cidade. Minha mãe combinou com ela de me apanhar no ponto que desceria do onibus e me acompanhou até o ponto em que entrei no coletivo.
Eu nem me cabia em mim, me achando a própria moça, a adulta do mundo, imaginem só, andando de onibus sozinha!!!!!!!. Imaginava coisas e coisas que aconteceriam comigo dentro do onibus e eu as teria que resolver por mim mesma, pois afinal ESTAVA SOZINHA. Mas é claro que nada aconteceu.

Mas mesmo assim estava na moral. Tanto que para passar aos presentes e companheiros de jornada, um ar muito
adulto, quis e depois de muitas tentativas, consegui, cruzar as pernas, que naquela época eram curtas demais para tal feito. Mas consegui! E assim fiquei, com dores na coxa, mas fiquei imóvel até que o onibus fez uma curva danada de brusca em seus 40 quilómetros por hora, assustadora velocidade, e eu mesmo sentada me desequilibrei e não querendo dar o braço a torcer e me segurar nos bancos ou descruzar as pernas, fui ao chão.

Muitos companheiros correram ao meu socorro, e eu na maior pinta, engoli o choro de vergonha e, de dor mesmo, no quadril que bateu a toda no chão, olhei para todos, respirei fundo e dei a maior gargalhada do mundo. Todos ficaram aliviados e eu pude ouvir a melhor frase do dia:- ELA ESTÁ ACOSTUMADA A ANDAR DE ONIBUS. NÃO FOI NADA. Para mim valeu cada segundo do ocorrido. TEMPO BOM, QUE NÃO VOLTA MAIS, SAUDADE.... Que nada, volta sim, é só lembrar


Pois é Welze, é só lembrar.
Na nossa lembrança você estará muito VI
VA, não a esqueceremos.
Vá em PAZ.

25 comentários:

  1. Rute,

    Conheci a Welze na Blogagem Fases da Vida. Logo depois ela contou sobre a doença. Mas antes disso, só passava mensagens de otimismo. Aprendi muito com ela, que mesmo na dor nos fazia sorrir.
    Sinto muito pela família, que era muito amada e valorizada por ela.
    Homenagem merecida! Vá em paz Welze!

    ResponderEliminar
  2. Linda homenagem Rute, com esse relato que eu já tinha visto no blog da Welze, revê-lo me tocou profundamente o coração. Que ela siga em paz, e continue seu caminho, pois aqui na terra encerrou-se suas tarefas, que como sabemos foram dedicadas com muito carinho à sua familia, e aos amigos que passaram por sua vida.Foi muito amada por todos e distribuiu muito amor. Muita luz para nossa querida amiga...bjos miga

    ResponderEliminar
  3. Linda homenagem e que Welze descanse em paz! beijos,chica

    ResponderEliminar
  4. Olá,querida
    Incluí a intenção no meu post de hoje... Soube ontem pela Glorinha...
    Ela está junto de Deus... isso me acalma...
    Bjm de paz e de pesar

    ResponderEliminar
  5. Uma linda homenagem, Rute, para uma linda pessoa, que deixa , como vc disse, um vazio, um silêncio sentido.Percebi através das participações na BCFV o quanto era cheia de alegria e disposição. Quis que no ciclo da vida, sua partida se desse. Cabe-nos então desejar que ela esteja na paz e na benção da luz que ela tanto doou em vida.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderEliminar
  6. Linda homenagem, Rute!Que a Welze esteja agora em paz, sem o sofrimento da doença física. Pensemos nela com o bom humor e alegria que irradiava, como bem mostraste nas participações da colectiva. Muita força para a sua família!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Oi Rute!
    linda homenagem! welze deixou sua marca em nossos corações. Sentiremos sua falta. Que ela encontre a paz junto ao Senhor!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  8. Fiquei tão triste ontem quando soube que a Welze tinha partido. Sabia que ela estava internada novamente, mas não esperava este desfecho. Já a conhecia há tempos, admirava imenso a sua força, o seu amor pela família, o seu fabuloso sentido de humor (tanto que ela me fez rir quando contava os "causos").
    Enfim, foi isso mesmo que senti, um vazio, ela deixou mesmo um vazio difícil de preencher. Que fique em paz.

    ResponderEliminar
  9. Uma linda homenagem amiga...:(..a Welze vai ficar para sempre no nosso coração....bjokinhas

    ResponderEliminar
  10. Rute, é muito difícil perder quem amamos e a quem aprendemos a amar, mesmo virtualmente o carinho, o sentimento existe e é real. Fiquei muito triste com o faleccimento da Welze. Esta semana foi um rapaz, 28 anos, de alma e coração lindos, meu aluninho aos 8 anos, quase meu vizinho, pois mora na mesma rua. Encheu-me de tristeza! Que eles descansem em paz! Rute, encalhei na Ressonância Aromática. ainda tenho tempo? Maria Luiza Saes de Rezende

    ResponderEliminar
  11. UMA LINDA HOMENAGEM QUE DEUS A RECEBA COM AMOR E CARIDADE,NÃO CONHECI A WELSE,MAS QUE TENHA PAZ EM SUA ALMA E LIBERDADE PARA UMA NOVA VIDA DE LUZ BJS QUERIDA BJS COM CARINHO MARLENE

    ResponderEliminar
  12. Não a conheci, neste mundo tão grande da blogsfera, não tive essa oportunidade. Mas com essa egrégora de uma mistura de amor, saudade, conhecimento da pessoa pelo que ela escreve, sinto que ela era especial. E pessoas especiais tem seus lugares especiais pelo que são aqui ou além.

    Que Welze esteja sempre em paz!

    ResponderEliminar
  13. Pessoas como a Welse deixam esse sentimento momentâneo de vazio, mas logo preenchido pelas inúmeras lembranças que ficaram.
    Foi bom você ter trazido para nós essas duas contribuições dela na coletiva. Depois disso, já não conseguiu deixar-nos seus "causos". Acompanhamos com vibrações de amor e luz seus meses de sofrimento e entendemos que as dores se foram.
    Ficaram as boas lembranças.

    ResponderEliminar
  14. Rute, bela homenagem. Soube nas andanças pela blogosfera (talvez no blog da Gina ou da Josy) há algum tempo atrás que a Welze esteva precisando de orações. Fiquei muito triste de saber que ela não resistiu. Percebi que era muito querida, com certeza está em paz. Nossas orações agora para a família...
    Beijos.

    ResponderEliminar
  15. Adorei ver novamente essas historias que por muitas vezes sentei no chão para ouvir mamãe contar...Ela realmente foi demais...
    Obrigado por tudo meninas.

    ResponderEliminar
  16. Obrigada Cucla,
    Obrigada a todas.
    Continuaremos a amar-nos mutuamente apesar da distância. Cada pessoa de quem nos despedimos nesta vida faz-nos recordar que devemos VIVER plenamente o momento presente pois ninguém sabe o dia de amanhã. E o ontem, já passou.
    Aproveitem a vida.
    Não desperdicem vida com pensamentos negativos e ações prejudiciais. Se estamos por cá pouco tempo, vamos aproveitar ao máximo, não é mesmo?
    Abraço universal.
    Rute

    ResponderEliminar
  17. Rutinha minha irmã querida,

    Muito emocionante sua homenagem!
    Só você com sua sensibilidade e seu grande amor por tudo e todos, para recordar momentos tão preciosos.
    E repito o que disse no meu espaço, que
    mesmo sem seguir o blog dela, andei lendo muitas coisas que ela escrevia.
    Me encantou a forma direta, verdadeira e sempre com muito humor que ela descrevia sua vida e experiências, uma mulher de muita personalidade.......e tenho certeza que sua presença neste planeta estará no coração de todos os seus familiares e amigos(as) que a conheceram.
    Para todos que estavam acostumados com sua energia, levarão um bom tempo para conseguirem soltar e deixar ir........ até que o tempo deixe sua doce lembrança na mente de cada um.
    E para ela, a jornada apenas está começando.......em outra vida e dimensão......

    Um grande beijo amada em seu coração!!!

    ResponderEliminar
  18. Amiga, um motivo totalmente alheio à minha programação fez com que eu publicasse hoje um post em homenagem à Welse.

    Vou novamente conferir nossa ressonância, pra ver se não perdi nada. Estive boa parte do dia fora da net.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  19. Oi Rute.
    Vim aqui para deixar um oi, e vejo esta triste notícia. Mas sabemos que todos nós um dia iremos, mesmo assim não podemos deixar de nos sentir triste com a falta da pessoa que não está mais conosco. Que o Senhor Deus, acolha-a com seu grande e eterno amor. Bjs pra você.

    ResponderEliminar
  20. Oi querida não a conhecia mas que noticia triste, achei linda a homenagem e me deixou mito emocionada bjs!

    ResponderEliminar
  21. Amiga Rute, você me deixou alguns dias com aquele assunto martelando na cabeça...ficava eu a pensar, como vou falar de frutas e idade...aiaiai.
    Mas hoje me sentei aqui disposta a não te decepcionar e confesso que até fiquei espantada com o resultado que consegui.
    O desafio foi aceito e a postagem será publicada exatamente no dia 15...aguarde!

    Um grande abraço amiga!

    ResponderEliminar
  22. Olá meninas,

    GINA,
    gostei muito do seu post sobre Gostosuras e Travessuras (Welze) ligado às festividades de Halloween. Como comentei por lá, tem tudo a ver mesmo, inclusive Halloween é a noite de todas as almas.

    IEDA,
    sim a noticia por um lado é triste porque se refere à partida de alguém, mas por outro lado temos de aceitar com esperança que a viagem da Welze é para um sitio melhor, menos sofrido. Obrigada pela visitinha.

    LIVIA E LUCIA,
    vamos tentar não ficar tristes. O objectivo do meu post foi levantar o astral e relembrar a boa disposição. Que todos pensemos COMO QUEREMOS SER LEMBRADOS quando nos formos.

    RACHEL,
    que excelente noticia amiga!!
    Se quiser pode publicar antes.
    Fiquei curiosissima!!!

    Beijinhos MIL para todas.
    Rute

    ResponderEliminar
  23. LÚ, querida amiga, desculpe!
    Não sei porquê mas não reparei no seu comentário antes do da Gina.
    Não reparei agora mesmo, pois já o tinha lido anteriormente.
    Acho que precisava "olhá-lo" individualmente...

    Você tocou num ponto muito importante: a energia da Welze. Aliás, vc vê sempre MAIS ALÉM!

    É isso aí! Acho que do que as pessoas sentem falta é da energia que a gente transmite. E a energia da Welze era algo de muito especial, pois era vibrantemente POSITIVA!!
    Exactamente o que quis ressaltar na minha homenagem e que você explicou em poucas palavras:

    «Para todos que estavam acostumados com sua energia, levarão um bom tempo para conseguirem soltar e deixar ir...».

    Aiiiiii minha amiga, como seria bom eu ter você comigo no Curso de Numerologia! Creio que juntas alcançariamos o céu! Você sempre é pedra-de-toque de lampejos que me servem a dissertações nas aulas. Vou pegar mais esta relativa à energia dos falecidos pois sei que me será útil mais tarde.
    Obrigada por compartilhar comigo sua mente sábia.
    Beijinhos de luz.
    Rute

    ResponderEliminar
  24. Aceitei o convite e aqui está o link>

    http://sementesdiarias.blogspot.com/2011/11/ressonancias-das-fases-da-vida.html


    beijos,obrigada, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar