15 outubro 2011

VIDA PARA ALÉM... - Entender o Sentimento de Unicidade

BCFV - 8ªFASE - VIDA P/ALÉM...

Para vos explicar porque acredito na vida além da morte, tenho de mencionar apartir de que momento passei do ceticismo à crença.


A veracidade desta sensação, não tem como base religião, apesar de eu ter sido criada segundo os ensinamentos da igreja católica. A minha crença tem por base a experimentação. No entanto, ainda assim, pode ser considerada fantasiosa, uma perceção individual e relativista porque não pode ser comprovada cientificamente.

Se já antes, tinha a noção de pertença a um sistema de interligações, esta teia onde nos encontramos todos conetados quer queiramos quer não, apartir do momento em que acessei a outras frequências, constatei que há muito mais para além do que os olhos vêem.

Em estados alterados de consciência é possivel espreitar por detrás da "cortina", vivênciar o que certamente é um mundo de vibrações sutis, onde as barreiras de individualidade esbatem-se, onde as energias se misturam, onde não há, Eu ou Tu, mas sim nós, o todo, o UNO! Dai que, depois, fica dificil, ser irresponsável e inconsequente.

Esse ponto de mutação aconteceu há pouco mais de 1 ano atrás, quando decidi intuitivamente, cursar Leitura da aura. Mais uma vez, não conhecia ninguém e lancei-me na aventura para a qual nem programa possuia. Antes de pensar, disse SIM, antes de esbanjar energia em dúvidas, comprometi-me, resolvi passar as férias de Agosto/2010, num curso intensivo de 15 dias, teóricos e simultaneamente muito práticos. Transcendentais!!

Com o curso aprendi a "ler" as auras energéticas, a visitar vidas passadas das pessoas, a verificar bloqueios dos chakras, aplicar cura...bom, mas tudo muito iniciático e presencial (à distância não "vejo" nada, fiquem descansados).

Hoje, olhando para trás, entendo o curso de Leitura da aura como o ponto fundamental para basear a minha crença. Caso contrário permaneceria desconfiada, sempre que me falassem em manifestações espirituais!

Em simultaneo, conheci o Mestre Gilberto e a Flora, na blogagem espiritual da Rô. E eis que o Mestre inicia cursos à distância, eu me interesso em cursar Numerologia, embora até à data nunca antes tivesse ouvido falar... Novamente sem saber o que me esperava, iniciei Nivel 1 de Numerologia da Alma em Out/2010. Atualmente encontro-me no Nivel 4. Meu entusiasmo e desenvolvimento pessoal continuam crescendo surpreendentemente.

Estes cursos, aliados a práticas de meditação, têm-me permitido expandir a visão do que sou, do que me rodeia, de como posso aperfeiçoar-me, ajudar outros a evoluir também, porque quando unidos em um objectivo comum, a evolução acelera, as vibrações boas aumentam... em breve, todos estarão mais sensiveis ao que há por detrás do véu de Maya.

Não vou alongar-me muito mais. Inclusive porque tenho certeza absoluta que a continuidade do meu texto será encontrada em algumas das participações. Prefiro complementaridades do que sobreposições.
No fundo, não há diferença entre crenças, acreditamos todos num Deus, acreditamos todos em Almas, em reencarnação, em várias vidas para possibiltar a evolução e aperfeiçoamento...
Então porquê tanta intolerância religiosa??
Não somos todos "filhos" do mesmo Deus?

A fonte divina não criou tudo o que existe?

Neste momento da minha vida só há uma coisa em que NÃO ACREDITO:
num Deus discriminador!
Pai que é pai, ama todos sem excepção.
Não há, maus, nem bons. São simplesmente pólos opostos.
O pólo negativo (o mal), quando é ajudado e se deixa ajudar a transmutar essa vibração para positiva, se transforma em bem.
Assim como a escuridão é a ausência da luz, a ignorância é a ausência da sabedoria...
o mal é a ausência do bem.

Peço-vos, não discriminem ninguém!
E agora convido-vos a...


PARTICIPAÇÕES CONFORME VÃO CHEGANDO:
2-Espiritual-Idade.blogspot.com; 3-Nabiroskina.blogspot.com
4-SementesDiárias.blogspot.com; 5-MariaLuizaSaes.blogspot.com
6-LucinhasDreamGarden.blogspot.com; 7-DomingosIrio.blogspot.com
8-AescolaÉbela.blogspot.com; 9-www.NacoZinhaBrasil.com
10-OlharesEsaberes.blogspot.com; 11-EnsinoRegular.blogspot.com
12-Belrech.blogspot.com; 13-FractaisDeCalu.blogspot.com
14-LarEncantado.blogspot.com; 15-Mamyrene.blogspot.com
16-MSocorroMelo.blogspot.com; 17-ConhecerKardec.blogspot.com
18-CrioMinhaVida.blogspot.com; 19-LuluExperiência.blogspot.com
20-AromaDeCafé.blogspot.com; 21-AsasDosVersosEreversos.blogspot.com
22-CasaCoisasSabores.blogspot.com; 23-PereiraPequeno.blogspot.com
24-RumosLibertadores.blogspot.com

57 comentários:

  1. Olá Rute, como vai ? Espero que bem. Estou passando para informar que já publiquei os 03 ultimos Temas propostos dentro da campanha B.C.F.V, os 02 primeiros já estão publicados e o 3° e ultimo está programado para ser publicado automaticamente as 06:00 de 15/10/11 do Brasil. Desde já agradeço pela oportunidade e espero ser informado quando Vcs começarem uma nova Campanha. Quando puder passe por lá. Obrigado - Beijos e abraços - Paz Profunda - Além Mar - Irio Domingos

    ResponderEliminar
  2. É, minha amiga, tirando o véu da intolerância, se pode enxergar muito bem e tornar a convivência muito mais pacífica e una.
    O que é a experimentação senão a base da ciência?
    Não tenho dúvidas que você tem uma maturidade bem superior à idade cronológica.
    Os cursos que você se interessa mostram a sua necessidade de trazer à luz as questões essenciais da alma humana.
    Que coisa boa ter me "encontrado" com você em algum momento desse mundo virtual!!!
    Dessa vez você foi a primeiríssima, tal como na fase do Nascimento, fechando assim o ciclo.
    Teremos um belo final de semana, acompanhando as participações e já começamos bem com a sua contribuição, que nos convida à união.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  3. Olá Irio!
    Há quanto tempo!
    Ok, então quer dizer que você postou os atrasados?
    Amanhã passo no seu blog, ok.
    Agora vou deitar que estou morrendo de sono!!
    Paz e bem,
    Rute

    ResponderEliminar
  4. Querida Gina!
    Meus olhos se encheram de lágrimas quando li:
    «Que coisa boa ter me "encontrado" com você em algum momento desse mundo virtual!!!»
    Agradeço de coração e retribuo, nas mesmissimas palavras.
    Nada acontece por acaso e nós as duas nos encontrámos na blogagem da cor, lembra?
    Quem se une pela cor, mistura suas auras :)
    Grande grande beijo de admiração.
    Rute

    ResponderEliminar
  5. Olá, Rute, pelo seu discurso você é alma inquieta que caminha na busca do entendimento.Admiro muitíssimo. Tony era exatamente assim: inquieto e indagador. Pegava-o olhando a perscrutar o infinito e logo em seguida me dizia que tinha algo a mais do que essa nossa vidinha. Bem, continue com pleno êxito sua jornada galgando todos os degraus. Bjbj!

    ResponderEliminar
  6. Querida Maria Luiza,
    seu Tony era concerteza especial, por isso você sente tanto essa falta.
    A BCFV foi um bom veiculo para vos reaproximar. Todas nós ao ler vossa linda estória de amor, vibramos na palavra Tony com muita emoção e concerteza você reencontrou-se com ele em sonhos.
    Quem disse que os sonhos não são reais?
    Beijos energéticos.
    Rute

    ResponderEliminar
  7. Rute minha querida amiga que lindo seu texto, admiro vc cada vez mais.Vc é uma mulher que vive buscando aprender, é como se estivesse subindo uma montanha, quando chega lá, desce correndo e sobe outra e mais outra sempre explorando o mundo...hehehe..
    Penso como vc, acredito em reencarnação, a natureza está aí para provar isso, provar que o renascer é contínuo. Uma vez assisiti uma palestra em que se diza, que estamos aqui nesse mundo para aprender 3 coisas: coragem, humildade e grandeza. Infelizmente tbém não entendo por que tanta intolerância religiosa, eu penso que a intolerância não vem da religião e sim da ignorância. É preciso que o ser humano entenda o respeito pelo próximo, coisa da qual a muito tempo deixou de ser praticado. Só o que encontramos é o contrário: desamor, ódio e desrespeito ao próximo, como se esse próximo não fosse nós mesmos, um pedaço de nós, em nosso irmão.
    Bjos minha querida. Um ótimo final de semana

    ResponderEliminar
  8. Intewressante seu texto, temática dificil e bem explicada por vc.
    Parabéns pela proposta que certamente nos trará muito bons frutos.
    Desta vez só acompanhando os blogs .
    bjs

    ResponderEliminar
  9. Minha sempre tão querida Josy!
    Nunca me tinha visto antes como Alpinista do Conhecimento, mas olha que adorei essa máxima aí!
    Subindo montanhas dificeis, enfrentando corajosamente o desconhecido, escalo cada pico com a certeza que evoluir só nos fará bem a todos, aos que sobrem a coordilheira e aos que voltam para divulgar as boas novas :)
    Xiiii, senti-me inspirada com suas ternas palavras.
    Bem haja.
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderEliminar
  10. Querida Norma,
    que pena vc não nos acompanhar em mais essa jornada de vida.
    Desculpe a minha ausência lá no seu blog, mas o meu afastamento da internet foi geral.
    Beijinhos.
    Grata por sua dedicação.
    Rute

    ResponderEliminar
  11. Esse curso deve ter sido legal e te ampliou visões...
    E concordo que discriminação não está com nada messsssssssssssssssssssssssmo!!!


    Linda participação e foi muito lindo participar com vocês!beijso,chica e obrigadão!

    ResponderEliminar
  12. Rute, linda!

    Uau! Um post cheio de experiências partilhadas!

    Adorei, mas tenho que comentar melhor, talvez amanhã, que agora tenho que ir dar de comida ao pequeno e acabar de preparar as coisas para irmos de novo para a praia com as crianças!

    Já publiquei a minha participação:

    http://escolabela.wordpress.com/2011/10/15/colectiva-fases-da-vida-_-8%C2%AA-fase_-vida-para-alem/

    Como vais ler, continuamos em sintonia! ;)

    Mil beijinhos e até logo ou até amanhã e um belo dia de colectiva fases da vida para todos!

    Isabel

    ResponderEliminar
  13. Olá minha gente,
    CHICA,
    aprender amplia sempre nossas visões e horizontes. Mais ainda nesta temáticas...
    Por isso sou ávida de conhecimento :)

    ISABEL,
    já lá fui ao teu cantinho e subscrevo o que disseste aqui:
    «Uau! Um post cheio de experiências partilhadas!»
    Isto de guardarmos só para nós as experiências multidimencionais não está com nada. O certo é compartilhar, pois tenho certeza absoluta que as partilhas começarão a surgir porque todos têm viagens para contar.

    Beijinhos além e aquém mar.
    Isabel enviar-te-ei os bjs pelo vento.
    Rute

    ResponderEliminar
  14. Minha sábia aprendiz, Rute:
    Como já afirmei tantas vezes, eu sou apenas um mensageiro, que para que a mensagem seja levada adiante, depende do nível de consciência de cada destinatário. O seu endereço espiritual foi um desses destinos perfeitos, onde a mensagem foi entregue na hora certa.
    A realidade que todos temos compartilhado no curso é que as religiões não são boas nem más, pois são apenas caminhos. Bons ou maus são os religiosos que se afastam da essência de todas elas, e se lançam em conflitos de egos.
    Como explicar a perseguição, a guerra, o ódio, tudo em nome de Deus? Não há explicação.

    Muito serena e sensível a sua história de fé.
    Ah, se todas as religiões dessem as mãos, o ecumenismo, enfim, se tornaria uma realidade!

    Abraços místicos e carinhosos.
    Gilberto.

    ResponderEliminar
  15. Meu venerado Mestre!
    Que surpresa agradabilissima, encontrar um comentário seu quando eu nem sequer lhe disse que havia divulgado seu nome no texto. Terá sido telepatia ou florapatia?

    Acredito que de fato, nada acontece por acaso e tudo está surgindo no momento certo, após a maturidade fisica e emocional, há que trabalhar a maturidade espiritual. Felizmente que o céu enviou-me um guia na terra, para me ajudar nesta caminhada de Alpinista (como fala a Josy).

    Devo-lhe a si o despertar para o poder que todos nós temos de conquistar montanhas. Chegando no topo podemos ver mais além...

    Da participação da Gina trago a seguinte mensagem:
    «Entre a terra e o céu não há segredo
    Basta não ter medo pra compreender»

    Abraços misticos de muito carinho e gratidão.
    Rute

    ResponderEliminar
  16. Gostei demais de conhecer seu espaço e adorei essa blogagem coletiva!
    parabéns!
    Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

    ResponderEliminar
  17. Oi Rute, acabei de fazer a postagem, vou seguir conhecendo as postagens de todos.

    Adorei a sua visão. Gostaria de saber como faço para fazer esse curso on line. E que maravilha poder acessar esse mundo sutil. Nos falamos.

    bjs

    ResponderEliminar
  18. Oi SANDRA,
    Oi ELAINE,

    fico feliz de receber novas visitas aqui no PPP.
    Ainda bem que você se amarrou nessa colectiva, Sandra. Pena vir na última fase. Mas quem sabe você alinha noutra blogagem futura.

    Elaine,
    click no link do Mestre Gilberto. Ele lhe dá as informações que você precisa. Se apresse!! Está começando um Nivel 1, agorinha mesmo. Se estiver interessada, julgo que poderá entrar de imediato. Recomendadissimo!!

    Beijinhos,
    Rute

    ResponderEliminar
  19. Eu vejo essas situações que nos acontecem na vida como momentos mágicos que nos fazem mudar de rumo e descobrir mistérios magníficos !

    Existe um ditado que diz que quando o discípulo está preparado, o mestre aparece. Antes, não.

    Passamos por momentos extasiantes na nossa caminhada rumo ao mundo espiritual, e sei que esses momentos só acontecem quando estamos preparados para entendê-los/aceitá-los.

    Muito boa sua participação sobre o tema.
    Beijo

    ResponderEliminar
  20. Rute
    Lindo dia para você também.

    Deixo aqui o link da minha participação e volto mais tarde para comentar, pois a família me espera para almoçar.

    http://mamyrene.blogspot.com/2011/10/vida-eterna-blogagem-coletiva-fases-da.html

    Até mais

    Beijos

    ResponderEliminar
  21. Rute,
    vc comprovou como a sintonia nos aproxima dos assuntos, fatos e atos vibrados na mesma pauta.Vc já carregava dentro de si, a suspeita sobre as possibilidades dessa vida para além das aparências e daí, por diante o Universo requisitou-a como uma das suas orientadoras, tarefa que vc desempenha com entusiasmo e comprometimento.Teu relato me anima a procurar me informar e forma-me mais sobre os aspectos da energia sutil que nos constitui e assim poder tbém participar desse movimento clareador.
    Que tuas rogativas encham as nuvens levadas pelos ventos a todos os quadrantes.
    Adorei participar com vcs desta maravilhosa viagem através da alma.Obrigada!E agradeço muito tuas gentis palavras lá no Fractais.
    Bjos d'além-mar.
    Calu

    ResponderEliminar
  22. Queridissimas FLORA, IRENE e CALU,

    cada vez acredito mais nesse ditado antigo que "o mestre aparece quando o discipulo está preparado", Flora.

    Ou então, somos nós, que já despertos, damos mais atenção às coincidências da vida. Pois os mestres podem ter aparecido e nós não ter aproveitado as oportunidades de aprendizagem...

    Calu, sendo os pensamentos também eles energia em vibração, é natural que atraiam pensamentos semelhantes, passando nossos cérebros a trabalhar em sincronia.

    A sincronicidade é o que nos permite aprofundar ensinamentos, porque ao sentirmo-nos parte integrante de algo significativo, questionamos e experiênciamos, passando a deter a tal verdade aparentemente fantasiosa por ser percepção individual e relativista.

    O que é certo é que muitas percepções individuais sincrónicas constituem uma realidade colectiva.

    Eh lá, o que é que se passou aqui!
    Calu, você soprou e eu voei :)
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderEliminar
  23. Abraços querida amiga,foi muito bom participar de todas.
    Beijos

    ResponderEliminar
  24. Querida Rute desta vez nao deu infelizmente.
    Estava com grandes ideias mas estou muito agarrada nos cuidados com minha mae que ainda nao esta totalmente recuperada mascom fe em Deus ficara boa beijos e espero participar das proximas. BJus paz e luz.

    ResponderEliminar
  25. Rute, a minha participação nessa 8ª fase já está postada.
    Concordo com quase tudo o q vc coloca, menos q iremos ser uno. Fiquei interessada nesse curso de leitura da aura, aonde vc fez?
    E assim como vc não acredito q Deus discrimine sua criação. Se Deus é todo bondade e justiça, então, trata a todos iguais, ama a todos iguais e tem muita paciência conosco. Daí a nos dar várias chances através das diversas reencarnações. Muita paz!

    ResponderEliminar
  26. Olá Lindas PIEDADE, SUN e DENISE,

    foi muito bom mesmo contar com a presença assidua de todas as meninas.

    Que pena, você não conseguir desta vez, Sun :(
    Desejo-lhe as melhoras de sua mãe.

    Denise, o curso de leitura da aura é presencial. Não tem como fazer à distância. Cursei aqui em Portugal.

    Grata pela visita e comentário.
    Em breve passarei no vosso espaço.
    Beijinhos mil.
    Rute

    ResponderEliminar
  27. Rute, estás em cima do acontecimento! Vinha avisar-te, mas já estavas avisada! :)
    Pensei que não ia ter condições de participar, mas finalmente as coisas começaram a acalmar... sendo assim, cá estou a participar no encerramento do ciclo. Hoje não estou mto inspirada para dizer o que me vai na alma, mas enfim, fiz o que pude. :)
    Muito obrigada por tudo. :)

    ResponderEliminar
  28. Eu estou tão em cima do acontecimento que quando vi o nº27 no total dos comentários, antes de começar a desdobrá-los, já sabia que eras tu a avisar que tinhas postado ;)
    Fiquei feliz de encontrar uma participação tua no término da BCFV. Ainda não li, mas hei-de ler.
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderEliminar
  29. Olá, Rute!Quase me passava o dia 15, já tinha a ideia do que ia escrever mas o tempo voou para este dia!Mas "algo" me avisou e consegui concretizar a minha participação. Ao ler a tua consegui encontrar(e não seria diferente...)muitos pontos em comum contigo. Mas acho que tu ao contrário de mim, estás a despertar, enquanto eu, sinto-me a adormecer. Sinto-me energizada só ao ler o teu percurso e a tua vivacidade, e tal como tu acredito que todos tenderão à perfeição, o caminho pode ser mais ou menos tortuoso, mas todos lá chegaremos. Cada vez fico mais feliz por te ter conhecido!Esta viagem foi demais!
    Milhares de beijos

    ResponderEliminar
  30. Rute, quem acompanha seu blog já percebeu que você é uma pessoa sempre em busca de conhecer, de se autoconhecer e viver melhor, por isso não me surpreendi com seus estudos :-) Não me considero muito espiritualizada, mas talvez porque ainda não tenha chegado meu momento. Ainda estou descobrindo muitas coisas na superfície até passar para "camadas mais profundas". Mas adoro seus textos, sempre saio daqui com um pouco mais de aprendizado! E esse suco é a sua cara! Diferente, criativo, fora do lugar-comum :-)
    Minha participação demorou um pouco, mas não podia ficar de fora da última fase da blogagem, que já está deixando saudades...

    http://casacoisasesabores.blogspot.com/2011/10/blogagem-coletiva-vida-alem-da-morte.html

    PS: Tive problemas para acessar seu blog, por isso andei sumida :-(

    Beijos!

    ResponderEliminar
  31. Quem me dera acreditar nisso que voce acredita, teria sido bem mais fácil aceitar e viver este ano que passou, com tantas baixas na minha familia.
    Muito bonita esta sua participação.
    bjs

    ResponderEliminar
  32. Meus doces, LINA, ADRI e ALCINA,

    depois da BCFV duvido que mais alguém (dos participantes) adormeça para a vida! É impossivel ficar indiferente ao que compartilhámos durante 8 meses. Acredito que foi acontecendo uma osmose imperceptivel há medida que as fases iam sendo redigidas e publicadas. Quem sai da BCFV, sai mais rico, mais lúcido, mais integral...

    Lina, levei o dia inteiro a pensar em ti, estáva aqui ao telefone com a minha mãe e sem mais nem menos, clickei no teu link que ainda apresentava a 2ªsem carne. E plin! A comunicação interdimensional estáva lá à minha espera para ser anexada à lista. Só depois é que o teu blog, no meu blogroll, se atualizou automaticamente. Fui mais rápida que a própria sombra, ah ah ah!

    Adri, nada é por acaso e quem sabe se sua espiritualidade não começa agora a dar "pontapézinhos" como fazem os nenês??
    Nem me fala em saudades!! Estou aqui me aguentando para não me emocionar com o fecho da colectiva.

    Alcina, sem duvida que teria sido mais fácil de aceitar. Por vezes penso: e se isto tudo for apenas imaginação? Mas logo contraponho com o seguinte: seja o que for, o que interessa é que promove o meu equilibrio e crescimento pessoal. Sinto-me a caminho da plenitude e isso basta para mim.

    Beijos sutis!
    Rute

    ResponderEliminar
  33. Rute, doce amiga!

    Estava para aqui a ver como detalhar mais o meu comentário face ao texto da tua participação, mas sinceramente, está tudo dito, é simplesmente (e o simplesmente é tudo!) uma partilha sincera, de coração aberto, de uma fase da tua vida e nada mais verdadeiro poderemos dizer.

    E eis que ao ler os comentários de todos os amigos que vieram aqui deixar-te mais do que as suas palavras, o seu carinho, leio este teu último que, na resposta à Alcina, diz assim: "Por vezes penso: e se isto tudo for apenas imaginação? Mas logo contraponho com o seguinte: seja o que for, o que interessa é que promove o meu equilíbrio e crescimento pessoal. Sinto-me a caminho da plenitude e isso basta para mim."

    É isso aí amiga, de novo, nada de mais verdadeiro poderias dizer, é o teu coração a falar.

    Nós temos um pouco a mania, penso eu, de querer esclarecer tudo, esmiuçar tudo, entender tudo, dar nomes às coisas, classificá-las, arrumá-las nas nossas gavetinhas, até percebermos que isso pouco importa, podemos dar o nome que quisermos, a classificação que quisermos, se isso nos facilitar a vida quando queremos comunicar (às vezes até dificulta, mas enfim! ;) ), o que importa é esse sentimento de plenitude, sim, o sentirmos estarmos finalmente a ser nós próprios, o que automaticamente implica o tal sentimento de unicidade que apresentas aqui no teu post, a integração entre todos, o Amor. Não temos que ir à procura da Sabedoria, à procura da Vida, à procura do Amor, essa energia (única) está sempre presente; é só destaparmo-nos, redescobrirmo-nos e automaticamente vemo-nos na Unicidade, no Amor.

    Muito obrigado pela BCFV e pela tua entrega, Rute, grata por existires!

    Mil beijinhos
    Isabel

    ResponderEliminar
  34. Rute,

    Eu sempre respeitei às pessoas, principalmente em suas escolhas religiosas. Mas depois que vim morar na NZ, isso cresceu ainda mais dentro de mim.
    Aqui tem pessoas do mundo inteiro, e que convivo com muitas nacionalidades na escola, academia etc.
    E mesmo tendo pensamentos religiosos bem diferentes, convivemos e respeitamos uns aos outros.
    Discriminação é uma coisa muito triste, que não aceito pra minha vida.
    Rute, obrigada pelo acolhimento na blogagem. Foi maravilhoso lhe conhecer. Estaremos por aqui sempre nos encontrando.
    Beijos

    ResponderEliminar
  35. Rute, essa aprendizagem da Leitura da Aura deve ser fascinante, gostava de "embarcar" nessa onda. :)
    Este tema não me deixou expressar-me muito bem, mas talvez pq eu tb não tenho as ideias mto bem definidas a esse respeito (vida para além da morte...). Acredito, não acredito, tenho medo de acreditar, e por aí fora. Sentimentos contraditórios, emoções que nos fazem avançar e recuar. Houve um acontecimento que me marcou muito, a morte de uma prima minha que tinha apenas 27 anos. Foi há 9 anos atrás, e perturbou-me muito. Uma menina daquelas de quem só podemos dizer "tão boa pessoa", tão doce, tão amiga, generosa, com um riso quase infantil, super ligada à religião, católica praticante e convicta. Em questão de poucos meses, um cancro levou-a. Achei aquilo tudo tão estupidamente injusto que pus tudo em causa, nomeadamente a nível de religião. Mas nestes casos a justiça divina não entra, senão que espécie de Deus pode roubar a mãe a uma menina de 4 anos?
    Bem, este é um assunto que ainda não superei, mas isto só para dizer que às vezes coisas que acontecem à nossa volta fazem-nos questionar aquilo em que antes acreditávamos.
    E cá vamos vivendo, acreditando e/ou duvidando, tudo isso faz parte da vida.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  36. Amiga Rute, seu texto diz tudo aquilo em que sempre acreditei, que nada é por acaso me dá a certeza que entrar para a blogosfera e conhecer pessoas como você e outras amigas, estava traçado para acontecer em minha vida como uma tábua de salvação em um momento que me vi sem rumo, perdida.
    Hoje, agradeço a DEUS por ter colocado vocês em minha vida e peço a ELE que me dê discernimento, sabedoria e compreensão, para merecer tamanha mostra de carinho e amizade.
    Um grande beijo em seu coração!

    ResponderEliminar
  37. Rute,
    Voltei para replicar alguns comentários aqui.
    Gostei quando falou que quem se une pela cor, mistura suas auras. Nada lhe escapa!
    Vejo que angariou alunos para o curso do Gilberto com seu entusiasmo, mas é preciso engajamento no curso para tirar proveito de todo o ensinamento.
    Faço coro com a Isabel quando concorda com você sobre a promoção do seu equilíbrio, motivo mais do que justo para crer.
    Aproveitando o gancho da Lucinha, quanto ao respeito às diferenças, como eu vivi em 5 Estados e 6 cidades, isso ajudou-me a encarar as diferenças do povo brasileiro com mais naturalidade, sem discriminação.
    Vivi um fato muito parecido com o da Cláudia, quando perdi minha cunhada aos 28 anos, no parto do 2º filho. Momentaneamente é um choque, só o tempo ajuda a superar.
    Minha amiga, essa coletiva está chegando ao seu final e deixando um sabor de saudade!
    Bjs.

    ResponderEliminar
  38. Rute, querida
    voltei para transmitir a você meu abraço a Gina por essa caminhada juntas, Não estou conseguindo abrir seu blog,ela sabe o problema que continua.
    Beijos

    ResponderEliminar
  39. Rute querida,
    vc recebeu meu e-mail?Eu não conheço a proposta do dia 17.Se puder, me conte a respeito?
    Bjos,
    Calu

    ResponderEliminar
  40. Rute, deve ser muito legal esse estudo...Eu acredito em um Deus misericordioso sempre!!
    Pois Ele nos ama incondicionalmente e sempre está a nossa disposição enquanto nós o procuramos quando estamos no aperto.
    Como falei em minha postagem nao sei o que vem depois da morte,pois as dúvidas são muitas...será???será???
    Pois como católica acredito na ressureição,mas dúvidas surgem sim, será que a reencarnação é o certo?
    De uma certeza eu tenho minha fé em Deus e fazer o bem me aproxima cada vez Dele.Depois disso a morte é uma certeza, uma passagem para além descobrir...
    Paz e bem

    ResponderEliminar
  41. Olá, querida, desejo encontrá-la assim hoje:

    Ao sol da manhã
    uma gota de orvalho
    precioso diamante.
    (Matsuo Basho)

    Infelizmente não pude comparecer ontem... mas meu coração esteve com VC... Creia, amiga!!!
    A questão que vc abordou:
    "...onde as barreiras de individualidade esbatem-se"...
    Quando se soltam há RESSURREIÇÃO...
    O seu final é totalmente endossado por mim, querida... Parabéns!!!

    "O orvalho não se reinventa em metáforas prenhes de ilusão… pois será sempre orvalho"…
    BlueShell

    Um bj de paz e até o dia 17...
    Vc foi FANTÁSTICA nesta BCFV...

    ResponderEliminar
  42. Olá minha gente,
    ontem não deu para me dedicar a vocês.
    Foi Domingo de familia.

    ISABELINHA, meu amor, quando eu estiver lá no outro mundo escrevo-te uma carta e tu publicas como sendo a 9ªfase! A 9ªRevelação :)
    Entender o Sentimento de Plenitude!
    (Amor incondicional já sem coração fisico)

    LUCINHA, a tolerância religiosa é importantissima! As religiões não devem separar-nos uns dos outros, mas sim unir-nos. Fico feliz de saber que você aceita as diferenças.

    CLAUDIA, tu podes! Para ti será fácil cursar Leitura da Aura pois vives em Portugal. Se realmente quiseres, diz-me por email e reencaminho para ti os cursos alternativos.
    Quanto às aparentes injustiças divinas, acredita que já naveguei nesse mar de revolta aquando do nascimento da minha filha, mas há razões que a própria Razão desconhece. Inclusive não é Deus que decide nada, nem é Deus que nos pode salvar, cabe-nos a nós evoluirmos e auxiliar-nos a nós próprios.
    Ter discernimento para entender o que nos acontece faz parte da evolução. Há sempre um porquê, muitos desses porquês vêm de outras vidas, porque a vida atual é fruto de vidas passadas. Isto é no que acredito. Pode estar certo, como pode estar errado. É a minha crença!
    Acredito que apenas nós somos responsáveis por aquilo que atraimos. Ainda que essa atracção que exercemos, seja inconsciente, em parte por serem tendências e bloqueios de vidas passadas.

    Beijinhos,
    voltarei mais tarde para responder a mais comentários.
    Rute

    ResponderEliminar
  43. Rute, este tema muito me interessa pois tenho passado por experiências "vivas" acerca da morte. Porém tenho estado praticamente offline nos últimos tempos para conseguir me organizar para as blogagens coletivas - outra que não participei e que muito me doeu foi o "Action Day" e tive que optar em prol do "Outubro Rosa" ao qual participo pelo quarto ano seguido.
    Tenho um conceito um pouco diverso da continuidade da vida após a morte e acredito na força genética como uma herança que nos eterniza. Assim posso olhar no espelho e enxergar traços da minha mãe, olhar nos meus olhos e compreender todos os sentimentos que a acompanharam durante sua vida. Ela está em mim e não morreu no sentido material do que se veicula por aí. Se paralelo ao nosso corpo material, existe uma alma virtual, o pensamento não morre jamais! Carregamos com nossa alma as lembranças de toda a nossa carga de vida e os sentimentos, os vínculos criados em um determinado estágio de vida não se acabam com o adormecimento. Não posso tocar quem morre, mas posso sentir, pois como disse anteriormente, se o pensamento é virtual, os sentimentos também são! A nossa alma é virtual pois temos um Deus virtual - não o tocamos, sentimos o cheiro, mas temos a sua presença constante em nossa vida, pois assim é a presença de quem amamos e que partiram da nossa fase atual de vida.
    Complicado? Para mim justifica tanta coisa...
    Boa semana! Beijus,

    ResponderEliminar
  44. Oi Rute,
    obrigado pelo carinho em me avisar. Tenho estado afastada mesmo do blog, mas quero retornar a vida de blogueira.
    Não poderei participar pq estou no trabalho e meu intervalo termina daqui a 40 min. muito puco tempo para pensar e postar.
    Que pena irei quebrar a corrente que fiz com todas desde a primeira.
    Participarei de muitas outras que virão.
    Bjos querida e novamente obrigado.

    ResponderEliminar
  45. Oi moça,

    Gostei mto desta publicação, dá conversa e tanto.
    Como sabes ainda não publiquei nada no meu blog, das fases da nossa vida.
    Ainda não estou preparada, para mim será uma confissão, vai mexer muito comigo.
    Agora, do pouco que te conheço, dirias: Margarida só conhecendo o passado é que entenderás o futuro.
    Eu respondia: Eu sei, mas o medo ainda vence.

    bjos
    Margarida

    ResponderEliminar
  46. Minha querida eu esqueci completamente.Cheguei em casa agora,tomei um remédio prs dor de cabeça e vim dá uma olhada rápida nos emails e vi o seu do comentário.Farei a postagem se puder ter um prazo maior.Até a cabeça melhorar,ok?Desculpa a falha técnica.Só lerei sua postagem também depois que melhorar,ok?Voltarei.

    ResponderEliminar
  47. Rute,que beleza de experiencia compartilhou conosco!Nada como vivenciar para aprender e ter certeza!A fé que vem do coração aliada a razão, é a mais forte e verdadeira!Adorei te ler e conhecer mais de vc!bjs

    ResponderEliminar
  48. Olá, Rute!

    De antemão, meus agradecimentos pela maravilha qu foi esta BC, e pelas vistas e palavras de carinho.
    Por que tanta intolerância religiosa??? Eis a pergunta que me faço todos os dias... Não consigo compreender tanta ignorância...
    Achei muito interessante a sua busca, através dos cursos que fez e que faz... E olha, nunca fiz nenhum, mas, creio nessa dinâmica da vida, toda ela energia...
    Adorei seu texto.

    Grande Abraço
    Socorro Melo

    ResponderEliminar
  49. Olá minha querida.
    Desculpe, mas ñ pude participar, estou reformando a casa, está uma bagunça imensa, o tempo curto, pois estou muito atarefada. Mas adorei participar e gostei muito do seu post. Eu acredito sim na vida além morte, porém de uma maneira bem pessoal, encontrada atráves de estudos e espiritualidade. A ressônancia cinematografica, ilustrando cada fase, ficou show. Bjs e até a próxima.

    ResponderEliminar
  50. Rutinha minha amada irmã,

    Realmente existe muito mais além do que nossos olhos possam ver.
    Que mulher visionária és, uma Alma em busca do autoconhecimento incessante, e de uma sede de saber.
    Tudo vem na hora certa, e no livro da vida seu momento já estava pronto para acontecer da melhor forma possível.
    Excelente sua abordagem sobre a intolerância religiosa, é uma coisa que minha mente unca conseguiu discernir.
    Deus é AMOR, e o dia em que a humanidade conseguir captar a verdadeira essência deste sentimento, já estaremos dando um grande passo para um mundo melhor.
    p.s.= Ontem eu entrei no seu blog e li sua postagem, e comecei a escrever meu comentário....sabe quando vem aquela inspiração e escrevi, escrevi.....quando fui publicar, minha internet que é móvel tinha desconectado e perdi tuuuuuudo.....aaaaaai, fiquei tão chateada!!!!! eu falava inconformada para o meu marido que não acreditava, pois foram coisas tão legais que escrevi......mas fazer o quê não?
    Obrigada minha irmã por esta coletiva, foi um reencontro que tive comigo mesma e também uma emocionante aprendizagem através de tantas histórias de vida belíssimas.
    Que Deus te abençoe muito!!!!
    Pode me mandar o email sim, apesar que não tem nada me atormentando, foi uma decepção que tive com uma pessoa; mas, quem teve fui eu e não ela.....portanto, quem entrou nesta energia de decepção fui eu, mas tudo foi um mal entendido e já está tudo bem comigo e com esta pessoa.....mas me mande o email, pois falar com você é sempre muito bom, sua energia é Fantástica pois és uma pessoa muito esclarecida.

    Um grande beijo nesta Alma Iluminada!!!!

    ResponderEliminar
  51. Minhas queridas amigas,
    que calor humano se vive por aqui.
    Dá gosto ler e reler e rerereler os comentários.

    Venho responder a mais umas meninas mas não vou conseguir responder a todas de imediato. O tempo é curto e tenho de trabalhar!!

    RACHEL, para continuar se sentindo ótima só tem de deixar fluir as energias positivas. Felizmente que esse tempo mais denso na sua vida, já passou, e nós vamos estar aqui do seu lado para descobrir a vida juntas. Já viu que ganhou um ÓSCAR!!!???

    GINA, dentro de todo o entusiasmo, fica mesmo um sabor de saudade já no ar... mas como minha fonte de inspiração é infinita (lembra do 8 deitado?), concerteza algo irá surgir para ajudar as pessoas se reencontrarem dentro de si mesmas. O mundo é tão corrido que a gente esquece de parar para pensar.
    Creio que a BCFV fez as pessoas analisarem suas vivências com organização, possibilitando o clariar das emoções.
    Viajar pelo mundo, de fato, ajudar a entender e aceitar que somos todos diferentes, apesar de tão iguais :)

    BEL, é nisso que acredito também, ele nos ama sem condições, nos dá seu apoio sem condicionalismos, mas quer que a gente faça por evoluir. Não podemos ficar à espera que o divino resolva os problemas terrestres.

    , eu sabia que você estáva bem apesar de ausente da BCFV nos primeiros dias, por isso não stressei. Quem me dera ter ido à roça também. Vi suas fotos e aquilo lá parece magnifico. Só pode encontrar Deus no meio de tanta natureza energética. Aposto que veio renovada.

    Beijinhos a todas.
    Volto noutra hora para continuar os comentários.
    Rute

    ResponderEliminar
  52. Ai Meu Deus!
    A vida avança a passos largos e eu aqui tão atrasada com as respostas!

    LUMA, compreendo perfeitamente que não dá para atender a todas as blogagens. Numa blogagem tão longa como foi a BCFV é natural que as pessoas não aderissem a todas as fases. O que importa é que tenha gostado de participar, e que tenham sido bons momentos de partilha e reflexão, cada vez que você se doou a nós com seus textos magnificos.

    SONIACONSULT, mesmo sem texto para a última fase, o que importa é que você esteve sempre connosco no pensamento e no coração.

    MARGARIDA, outras blogagens virão e quando estiveres preparada participas. De qualquer forma acredito que ao leres as nossas participações a todo o dia 15, repensaste a tua vida vezes sem conta.

    ZILDA, ainda não consegui visitar sua participação. Ontem fui eu que fiquei com uma tremenda dor de cabeça.

    ANNE LIERI, obrigada querida. Também adorei te conhecer. Foram 8 meses especiais de bom convivio e boas influências que aconteceram entre nós todas/os.

    SOCORRO MELO, mesmo sem fazer cursos, sempre senti isso das energias, mas não sabia como entender, como explicar. No entanto sentia que havia pessoas que me enchiam de energia, assim como há pessoas que me sugam a energia. Acho que toda a gente sente isso, não?

    IEDA, que pena você não ter conseguido. Só faltou mesmo esta última. Que pena. Bom, mas esteve connosco em pensamento, não foi?

    LÚ, para evitar perder meus comentários, quando acabo de redigir, salvo eles (selecciono e control C), depois submeto o comentário e se por erro do blog o comentário desaparecer, volto a colar (control V).
    Lamento ainda não ter conseguido enviar o tal mail...
    Mas fico mais descansada de saber que vc está bem e que tudo não passou de um mal entendido com sua amiga.

    Yupi!!!
    Cheguei ao fim dos comentários :)
    Beijinhos MIL.
    Rute

    ResponderEliminar
  53. Rute
    Amiga agora que chego para ler seu post. Estive no post acima e adorei sua ressonância e aqui encontro as palavras sábias que a vida nos ensina.
    Não importa qual a religião posi Deus, essa força superior que nos guia está presente de várias formas. O importante é ter fé porque é dela que tiramos energia para continuarmos a nossa caminhada por essa vida na Terra.

    Obrigado por tudo e Parabéns pela coletiva e que possamos em breve termos outro evento para compartilharmos novamente esses momentos.
    Beijos no seu coração

    ResponderEliminar
  54. Parabéns pelo texto e por saber que a morte não existe!!!Sigamos em frente!!Bjsss na alma.

    ResponderEliminar
  55. Obrigada também Irene e Zilda.
    Acredito que muito em breve estaremos juntas novamente expondo com abertura nossos pontos de vista.
    Beijos de fé na espiritualidade.
    Rute

    ResponderEliminar
  56. Minha Amiga Rute, passei para saber como estás e me deparei com este texto fantástico! Entendo bem seus sentimentos e sua vontade latente de evoluir.
    Sou espirita kardecista e esse universo q vc descreveu é bem "familiar" para mim.
    Gde. Bj

    ResponderEliminar
  57. Oiiiii Mónica!
    Que bom ver vc por aqui :)
    Feliz de estarmos em sintonia e de entendermos o Universo de forma similar.
    Gde Bjo tb pra vc!
    Rute

    ResponderEliminar