22 janeiro 2013

MENSAGENS OCULTAS DA ÁGUA

Queridos leitores,
venho em mensagem de Ano Novo, utilizando a água como veiculo, falar-vos de amor, unidade e dever humanitário.
Muitos não sabem, mas nossa voz e pensamentos são vibrações emanadas de um epicentro interior para a periferia que nos rodeia. À nossa volta, mesmo quando a sós, existe ar, água, fogo, terra e etér. Esses elementos recebem as vibrações do pensar, sentir, agir, respirar. Estamos em contínua permuta com o meio.
Masaru Emoto, um cientista japonês, descobriu que a água é como uma folha em branco que em contato com vibrações, escreve e reescreve cristais geometricos que podem ser lidos quando é congelada. Uma linguagem sutil aprisionada no estado sólido, no plano da manifestação, facilitando sua perceção (veja o video).
A água tem várias funções. Sem água o ser humano não sobrevive. Beber água é uma necessidade básica de hidratação, mas ela é também usada para limpar e purificar. E sempre se renova, filtrada pela terra, evaporada pelo fogo, devolvida pela humidade do ar, todo o ciclo se repete ao longo de dias, meses, anos, séculos, aeons de tempo.
Em determinada altura neste ciclo, entraram aqueles que se dispuseram a tratar da água. Criaram filtros artificiais, depósitos de armazenamento, aquedutos de distribuição, canalização metálica, depositaram quimicos e taxaram a água. Um direito de todos passou a ser um bem onerado. Bom, mas era compreensivel... Os tratadores da água tinham de ser pagos, afinal estáva implicito um trabalho humano. Hum... hum... Estava indo tudo muito bem (pensavamos nós). Até que no pensamento de alguns começou a vibrar uma intenção densa, materialista, uma sede de mais poder, mais dinheiro, mais controlo. A água sentiu isso. Seus cristais deformaram, enegreceram, em vez de bailarem geometrico, ficaram agitados, desorientados.
Então, a água veio até alguns e segredou-lhes ao ouvido:
Por favor, ajudem-me. Querem privatizar as Águas de Portugal. Querem transferir os direitos da água, do sector público para o sector privado. Querem lucrar com um direito que é de todos!
Aqueles que realmente se importam, logo se pronteficaram em ajudar. Afinal se estamos em democracia é lógico que a voz do povo seja ouvida, precisamos nos organizar em defesa dos direitos da água.
Foi aí que veio à lembrança uma ferramenta de cidadania. Uiii pobre utensilio de defesa, enferrujado, pesado. São precisas 35.000 pessoas para erguerem a Iniciativa e deslocarem-na até ao Parlamento! Trabalho Herculano!! Mas para os fortes de vontade, os 12 trabalhos de Hercules não são mito. A ILC é de fato um direito de cidadania. Os cidadãos podem reunir-se para apresentar uma proposta de lei à assembleia governativa. Portanto, vamos a isso.
Desde que a oportunidade foi criada em 2003, os portugueses apenas conseguiram submeter duas ILCs à aprovação do Governo. Uma delas deu origem à Lei da precariedade, aprovada por unanimidade. Agora, está em conclusão a ILC-A Água é de todos que já atingiu 35.000 assinaturas mas que quantas mais conseguir melhor, para que os governantes percebam a força coletiva. Portanto, se é Portugués, se quer continuar a usufruir da água a um preço público, assine a Iniciativa Legislativa. Aproveite o fato de estar entre familia ou amigos este final de ano e recolha assinaturas.
Juntamente com a ILC da Água, peça que assinem a ILC da Democracia Participativa, que é o quê? A ILC da Democracia Participativa é uma proposta para que esta ferramenta de cidadania se torne menos exigente. Embora todos tenhamos vontade herculana, tudo pode ser facilitado por forma a realmente vivermos a democracia na prática e não só em teoria.
Assim, a ILC-Democracia Participativa propõe à Assembleia da República a diminuição do número minimo de assinaturas de 35.000 para 7.500. Click nos links por baixo das ILCs e informe-se.
Está na hora de deixar de apenas reclamar e arregaçar as mangas, agir, co-criar!
Vamos unir-nos em prol do interesse comum.
Feliz Mundo Novo para todos.
O PublicarPara Partilhar deseja-vos Saúde, Felicidade e Próspera Consciência.
Assista aos testemunhos dos membros da Associação Água Pública Europeia


A ILC da Água já deu entrada na AR - projeto de lei 368/XII neste link
pode continuar a angariação de assinaturas para dar mais força coletiva à inicitaiva

22 comentários:

  1. Desejo um Feliz Natal,cheio de alegria, muitas prendinhas e comidas deliciosas :)
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Olá, querida maninha Rute! Vim te desejar Feliz Natal e mando-te vibrações positivas através do ar que por aqui está carregadinho de água! Já li sobre o trabalho de Emoto e inclusive me foi recomendado por uma pessoa muito sábia que neste momento já vive em outra dimensão! Quero ler o teu texto com mais calma quando "voltar" do modo Natal...ainda há 5 minutos estava a engarrafar licor e fazer uma tofuzada de Natal! Desejo-te um Natal bem docinho e cheio de amor para ti para a Carol e para o Tao!
    Mil beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Rute, que momento oportuno para falar de luta pelos direitos, um momento em que todos olham para o futuro, na esperança de um ano bom, mas que muitas vezes não percebem que uma parte importante de um feliz 2013 vem de nós mesmos :) Fico torcendo pelo sucesso da ILC, que a água siga sendo um bem público.
    Espero que seu Natal tenha sido de muito amor e felicidade, venho te desejar um ótimo 2013! Que a gente continue se encontrando e compartilhando na blogosfera :) Um beijo!!!

    ResponderEliminar
  4. Rute! Boas Festas para vocês! Que giro teres ligado as mensagens da água do Emoto a esta iniciativa (que eu já conhecia, e já ssinei uma petição on-line sobre o mesmo assunto). Grata por partilhares, divulgares e impulsionares! ,)
    Muitos beijinhos e o melhor 2013 de sempre! ;)

    ResponderEliminar
  5. Uma importante mensagem, em preparação do novo ano!
    Espero que a petição surta feito - embora me entristeça que este tipo de coisas normalmente só vá avante e as pessoas em geral só se comecem a mobilizar a sério quando percebem que lhes estão a querer mexer no bolso - e a questão da água é tão mais do que isso!
    Rute, desejo-te um novo ano cheio de coisas boas! Para nós vai ser com certeza, basta para isso que continues a inspirar-nos a todos como até aqui!

    ResponderEliminar
  6. Rute, as pessoas precisam aprender a lutar pelos direitos o ano todo, só assim será possível viver num mundo melhor em todas as esferas.
    Quero agradecer o carinho que me dedicou em suas visitas, a generosidade de compartilhar belas postagens e blogagens e desejar que seu novo ano seja como um rio de águas calmas e cristalinas, sempre em movimento, porém sereno e límpido. Um abraço, sucesso em 2013!

    ResponderEliminar
  7. Rute,
    é conscientizando que vencemos descalabros como esta proposta do governo.Estarei torcendo que ultrapassem o nº de assinaturas.Sucesso!
    Que 2013 traga cristais límpidos a clarear os corações e as mentes.
    Que teus dias no novo ano sejam risonhos e abençoados com saúde e paz.Bom Ano Novo!
    Abraços fraternos, amiga,
    Calu

    ResponderEliminar
  8. Obrigada meus amores.
    Foi muito bom estar com vocês durante 2012. Que no próximo ano, nossos laços se renovem ainda mais fortes e duradores. Grata pela atenção dedicada e pela amizade que demostraram em cada visita. Novos projetos coletivos se avizinham. Estaremos unidas concerteza!
    2013 beijos no vosso coração.
    Feliz Mundo Novo, mais solidário e coeso para todos.
    Rute

    ResponderEliminar
  9. Oi Rute, tudo bem? Espero que sim.

    Junte-se a entidades de proteção à natureza no seu País e no restante da Europa. Faça abaixo assinados (eu assinarei com certeza). Balance a roseira deles.

    Passei para te retribuir as visitas, o carinho que você me deu o ano inteiro. Que 2013 seja repleto de amor, saúde, compaixão, prosperidade e um milhão de coisas lindas para todos nós.

    ResponderEliminar
  10. Oi Elaine,
    já assinei estas 2 petições em simultaneo com as ILC referidas no artigo:
    Eliminação das touradas e Substituição da experimentação animal.
    Grata pelos votos de bom ano novo. Agradeço e retribuo. Cá estaremos em 2013 para defender os animais.
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderEliminar
  11. Minha querida Rute:

    Mais um ano termina e outro começa e o mundo continua em guerra ! Guerra com armas, guerra com atitudes e palavras.
    Felizmente existem movimentos para curar ou evitar os efeitos dessas guerras...

    Eu tive o prazer de conhecer o sr. Masaru Emoto pessoalmente, aqui em Caxambu, e fiz uma postagem sobre esse momento:
    http://www.floradaserra.blogspot.com.br/search/label/CELEBRA%C3%87%C3%83O%20DA%20%C3%81GUA%20COM%20MASARU%20EMOTO

    Um Ano Novo de muitas realizações, muita paz, amor, saúde e alegrias, é o que desejo para você.
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Flora,
      minhas festas decorreram com grande tranquilidade e harmonia em familia.
      2013 promete ser um ano 6 de fortelecimento e enraizamento do que foi alterado em 2012.
      Agradeço todos os seus votos de paz, saúde e alegria, retribuindo em dobro para vocês aí em casa.
      Beijo de ano novo.
      Rute

      Eliminar
  12. Olá a todos, sou novo por aqui e do pouco que ainda vi este Blog tem muito potencial.
    Tanto quanto sei este Blog é gerido pela Rute desde 2007, que melhor prova que poderíamos ter senão a prova do próprio tempo, desejo que este ano seja a continuação de um bom trabalho.

    Rute, verifiquei o seu perfil e gostaria de trocar umas impressões consigo, senão achar ousado ou inapropriado da minha parte, gostaria de escrever de forma não pública.

    Bom 2013 para todos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Paulo,
      seja bem vindo ao PublicarParaPartilhar.
      De facto este blog foi criado e é gerido por mim desde 2007.
      Aqui tem o meu email: irstubal@hotmail.com.
      Grata pela simpatia.
      Bom 2013 para si e para os seus.
      Rute

      Eliminar
  13. Rute, qualquer questão envolvendo a água é assunto de todos. Haveria de ter um referendo para os portugueses decidirem. No Brasil, existem muitas empresas que cuidam da água e do saneamento básico, o que implica um pagamento mensal pelos consumidores, assim como fazemos também com a energia elétrica. Se o governo português já faz a cobrança, com a transição será também cobrado um imposto único.
    No Brasil é dada a "concessão para exploração" até mesmo para emmpresas familiares, se o governo atestar que a água é de fonte natural - e a Flora pode atestar o que vou escrever - por exemplo, empresas obtiveram direitos de "exploração" das águas no "circuito das águas", ao qual, Caxambu, a cidade onde ela mora tem várias fontes administradas por essas companhias, assim como Campos do Jordão e Barbacena. É dado o direito de exploração com contratos de anos, que podem ser renovados - o que o governo pode reaver a qualquer tempo se tiver quebra de clausulas contratuais.
    De certa forma, quando o Estado vai mal, ele repassa para administradores privados, aquilo que onera os cofres e de quebra tira a responsabilidade de suas costas. Não sendo empresa estrangeira, não vejo motivos para não privatizar. Com resssalva de que em casos de empresas governamentais, essas não devem ser privatizada em sua totalidade e para garantir o direito do cidadão português, os títulos devem ser em sua totalidade abertos ao público na forma de ações.
    Se quiser o governo faz certo; ele é tão burro de "vender" um bem que é de todos?
    Feliz ano novo!!
    Beijus,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luma, o pior é que o governo português está vendendo quase todas as empresas governamentais ao estrangeiro. Não estamos falando em passar da mão do governo para o privado português, mas sim de entregar essas empresas, em leilão, a outros paises.
      Mais ainda, da maneira como está Portugal, todo o dinheiro recebido da privativação não se destina a investimento público, mas sim ao pagamento da divida externa.
      Não está certo o que estão fazendo conosco e com outros paises. Os juros da divida externa não param de aumentar. Minha amiga, esta é a nova guerra. O tempo das bombas já era, agora é o dominio financeiro que está conquistando mundo, tornando todos escravos do materialismo.
      Está na hora de virar costas à moeda e optar pela troca de produtos e serviços. Só assim nos livramos dos impostos. Menina, você nem imagina como isto está por aqui. Estão nos sufocando com subida das taxas fiscais, deixando a gente de calcinha na mão!!
      Feliz ano novo também para você. Apesar do que falei, estou esperançosa e tranquila, viu.
      Beijinhos.
      Rute

      Eliminar
    2. Fico bastante entristecida quando recebo ou leio as notícias que chegam da europa e em especial as de Portugal. Forçar o cidadão português a aceitar a venda de um setor que fatura está errado. Como bem foi veiculado no vídeo, a privatização se faz com empresas que oneram o estado.
      Qualquer ajuda é bem vinda para apoiar a campanha "Água para todos", mas acho estranho uma empresa que não é portuguesa ir contra os interesses do que parece ser seu principal interesse: Administrar a água de todos.Alguns políticos para chegarem onde querem, arquitetam um circo para no final dizer que o cidadão venceu e no entanto, essa era a meta governamental desde o início.
      Sobre a história do surgimento do dinheiro, ele foi criado não para facilitar a troca, como é veiculado nas escolas, mas sim em consequência do surgimento da "dívida". Então, a "dívida" é muito mais antiga que o dinheiro. Você que trabalha com contabilidade indico a leitura do livro "Debt" (DÉbito) de David Graeber, que citei no post "Do Ponto de Vista da Perspectiva".
      Bom fim de semana!! Beijus,

      Eliminar
  14. Rute, interessante a descoberta do cientista sobre os cristais de água...é uma pena que esse mundo, tão capitalista, prive ou dificulte o acesso de um bem tão necessário como a água. Desejo que obtenham sucesso em Portugal no seu abaixo-assinado. Um abraço, feliz 2013!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi Bia, que bom você ter voltado para assistir o video dos cristais de água. Quanto à ILC, toda a Europa está trocendo para termos sucesso. 2013 abraços pra vc tb.

      Eliminar
  15. Rute, minha conexão é péssima para vídeos. Contudo, eu vejo democracia do mesmo modo que você, para ser democrático, a decisão deve ser de todos. É pena que, ao menos aqui no Brasil, muitos sejam acomodados e não fazem valer seus direitos. Espero que Portugal seja diferente.
    Vou assinar seu blogue por e-mail para não perder mais atualizações suas.
    Um Feliz 2013 é o que lhe desejo também.

    => CLIQUE => ESCRITOS LISÉRGICOS...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Christian,
      vamos ver se em Portugal é diferente. De qualquer forma já é bom ser um movimento europeu. Grata pela visita e comentário.
      Tudo de bom para você também. Um iluminado 2013.
      Penso regressar à blogosfera em breve. Entretanto irei lhe visitar.
      Bjs.
      Rute

      Eliminar
  16. Olá Rute. Entrei aqui e fiquei a olhar por tudo por não estar a conhecer a nova casa. E foi por isso é que percebi há quanto tempo não te vinha visitar. Mas cada vez mais, tenho menos tempo para visitar os cantinhos dos meus amigos e até mesmo o meu próprio cantinho que anda a ficar um pouco abandonado. Gostei imenso destes teus ultimos textos que são optimos para "abanar" os mais distraidos ou preguiçosos. E agora vou continuar a leitura dos outros. Beijinho grande e até breve

    ResponderEliminar